Cachorros de raça

As dez raças mais populares


Conheça os cachorros mais populares, de acordo com o American Kennel Club (AKC).

Essa entidade americana é respeitada por todos os criadores e divulga, anualmente, o ranking das raças mais desejadas.

Os dados são coletados entre os inúmeros criadores e expositores de cães de raça filiados àquela organização.


Confira o resultado da última pesquisa realizada pelo AKC e saiba se seu cachorrinho está na lista dos mais populares.

Neste artigo, reunimos algumas informações importantes a respeito desses cachorros, que estão entre os 10 mais pedidos e procurados pelas pessoas nos Estados Unidos.

A listagem leva em conta as solicitações das pessoas e o número de cães comercializados durante o período de um ano.

Os números não devem ser muito diferentes dos verificados no Brasil, embora não haja, aqui, entidades recolhendo oficialmente informações.

1) Labrador

A raça teria se originado em uma região ao nordeste do Canadá, em um arquipélago denominado Newfondland and Labrador. 

Como sempre acontece, a raça foi desenvolvida para servir ao ser humano, especificamente no auxílio à pesca.

O Labrador, naquela região, ajuda seus donos a puxar a rede de pesca e também apanha os peixes. 

Fora isso, o constante aperfeiçoamento o tornou um hábil caçador.

O Labrador é reconhecidamente uma das 10 raças mais inteligentes de cachorro. Além disso é muito apreciado como cão de companhia, pelo seu temperamento.

Figura na posição 1, entre os mais solicitados.


2) Pastor Alemão

É um dos cachorros mais inteligentes. Outra curiosidade a respeito da raça é sua antiguidade. 

Esse cão, originário do interior da Alemanha, é bastante antigo e tornou-se muito requisitado pelas autoridades militares. 

Pelo seu aprendizado fácil e grande obediência, o cão Pastor sempre esteve à serviço do homem.

Acredita-se que o primeiro exemplar totalmente formatado, como se vê hoje em dia, apareceu na cidade alemã de Karlsruhe, em 1899.

Neste material aqui você encontra informações sobre como cuidar de um cão da raça Pastor.

É a segunda raça mais requisitada.

3) Yorkshire

É um cão que caiu nas graças das pessoas. 

Hoje é considerado um cachorrinho de madame, mas sua história é outra.

Como algumas raças diversas, principalmente as de pequeno porte, o Yorkshire foi muito utilizado na caça aos ratos, na cidade de mesmo nome.

Sua agilidade, rapidez e ferocidade eram perfeitas para o trabalho. 

Seu porte minúsculo facilitava a movimentação nos lugares apertados.

Você pode encontrar muitas outras informações sobre como cuidar de um cachorro da raça Yorshire neste material aqui.

Raça ideal para apartamentos e lugares pequenos, o York está na terceira posição.


4) Golden Retriever 

Certamente é conhecido por seu pelo espesso e brilhante. 

O que poucas pessoas sabem é que a raça foi meticulosamente cruzada para chegar ao Golden. 

Trata-se de um cachorro hábil e adaptado ao clima da Escócia, sua origem.

O Golden também está entre as raças mais inteligentes. Seu adestramento facilitado faz dele um dos cães mais versáteis que existem. 

Pode ser utilizado na caça, no resgate, como guia, etc. Praticamente não há limites na sua utilização.

Neste material aqui reunimos informações específicas sobre os cuidados com o cão da raça Gonden.

O quarto cachorro mais requisitado, segundo o American Kennel Club.

5) Beagle

Quem conhece o Snoopy, dificilmente o imagina caçando coelhos. 

No entanto, essa raça antiga (já existia em 1500) era utilizada na caça ao roedor, na Inglaterra.

Beagles são naturalmente alegres e bons companheiros. 

Essas características os fizeram ser um dos cachorros mais desejados do mundo.

Embora não sejam muito facilmente adestráveis, atualmente estão difundidos em todos os continentes.

Neste material aqui há informações importantes sobre como cuidar e criar um cachorrinho da raça Beagle.

Estão na quinta posição.

6) Boxer

O nome dessa raça é realmente uma homenagem aos boxeadores, esporte muito comum na Inglaterra no século XIX (e ainda hoje em dia).

Cães dessa raça eram colocados em ringues, onde lutavam até a morte, muitas vezes.

Quando está lutando, o Boxer fica em pé, sustentado pelas patas posteriores, o que lembra a figura de um boxeador.

No início, era também utilizado na caça ao javali, sendo treinado pelos camponeses para esse mister.

Hoje se sabe que é um cachorro dócil, e que apenas com muito treino se torna violento.

É a sexta raça mais procurada.


7) Bulldog

Essa raça figura entra as mais burras, significando que é de difícil adestramento.

O Bulldog era um cão muito famoso na Inglaterra, onde as rinhas de touro figuravam como esporte popular.

Foi projetado para imobilizar um touro sozinho, e os sucessivos cruzamentos formataram essa raça peculiar.

Trata-se de um braquicefálico, ou seja, uma raça de cachorro com o focinho achatado. 

Isso o faz passar por alguns problemas respiratórios. Além disso, essa raça pode sofrer muito com o calor, pois a transpiração não é facilitada através do nariz.

Assim como o Boxer, o Bulldog é um cachorro dócil, que precisa ser treinado para ficar feroz.

Sétimo lugar.

8) Dachshund (Linguicinha)

Muito possivelmente originado na Alemanha, o Dachshund foi recentemente escolhido a raça mais feroz de cachorro, devido ao número de ataques aos seres humanos.

Ao contrário do Boxer e do Bulldog, que precisam ser treinados para serem ferozes, o Linguicinha precisa ser adestrado para ser mais dócil.

Mas seu temperamento tem uma explicação. A raça foi desenvolvida para a caça ao texugo, que é uma das criaturas mais zangadas que existem no reino animal.

Há cerca de 500 anos atrás, os texugos eram uma praga perigosa para as plantações, e o Dachshund a melhor ferramenta para dizimá-los.

Hoje há 2 grupos oficialmente reconhecidos, o standard (tamanho normal) e o miniatura - embora possam existir algumas variações entre eles.

É o oitavo cachorro mais solicitado.

9) Poodle

Uma das raças mais inteligentes, é considerado um cachorro de madame. Mas também já serviu como cão de caça.

Originado na Alemanha, o Poodle tinha uma grande vantagem com sua pelagem encaracolada: era um ótimo cão para atravessar bosques e cruzar rios, pois o pelo o ajudava a se locomover mais depressa na água.

Foi o cão preferido em diversas monarquias, dividindo o trono com reis, rainhas, príncipes e princesas.

Uma curiosidade: só existem Poodles das cores preto e amarelo. Todos os outros são variações delas. 

Portanto, seu Poodle não é branco. Ele é de um amarelo bem fraquinho, que apenas parece ser branco.

É a nona raça mais pedida.

10) Shih Tzu

Acredita-se que sejam originários da China, onde permaneceram por séculos como preferidos das dinastias reais.

Seu cruzamento deve ter sido entre as raças Pequinês e Lhasa Apso.

Foi descoberto pelo ocidente por volta da Primeira Guerra Mundial, quando soldados britânicos o trouxeram, difundindo-o.

É um cão dócil e apegado ao dono. E ocupa a décima posição entre os mais pedidos.

As raças dos cachorros


O importante ao descobrirmos como as diferentes raças de cachorro foram desenvolvidas é perceber neles o comportamento de seus ancestrais.

Sempre é espantoso como um determinado cão reage e interage conosco, com outros cães, com outras pessoas.

A resposta do comportamento travesso ou tranquilo do seu cachorrinho pode estar, muitas vezes, na forma como ele foi formatado, e o objetivo do seu cruzamento.

Um cachorro desenvolvido para atacar texugos, por exemplo, dificilmente teria um gênio dócil. Já as raças cruzadas para se tornarem rastreadoras, costumam ser mais pacientes e calmas.

Aprendendo um pouco sobre a raça, podemos ter em mente suas necessidades de adestramento e controle.


Educando a ter bons hábitos


Além do cuidado específico com a raça, devemos ter em mente o treinamento para que o cão não adquira maus hábitos.

Entre eles, o latido excessivo pode ser um grande problema. Nesse caso, dê uma olhada neste material aqui, e aprenda técnicas bem práticas para enfrentar esse desafio.