Como fazer o cachorro comer ração



Como fazer o cachorro comer a ração?

Uma forma bem prática de alimentar nosso mascote é através da ração. Se ela for de qualidade, nela estarão concentrados todos os nutrientes essenciais a uma dieta saudável para o animal. Além disso, é fácil e já vem pronta.

Por vezes, no entanto, o cachorro não quer comer nada. Daí, nos perguntamos o que fazer quando meu cachorro não quer comer ração pura

Meu cachorro não quer comer ração, só comida

Muitas vezes nosso mascote se recusa a comer a ração dele. Quando isso acontece, ele pode passar vários dias em jejum, insistindo em não comer.

Se ele já passou muito tempo sem se alimentar, vem aquela pergunta básicas: cachorro tem que comer quantas vezes por dia?

Pior ainda se ele deixou de querer a ração para comer comida de gente. Engana-se quem pensa que cachorro pode comer comida de gente. Isso não é uma boa ideia para ele, porque a nossa comida não é saudável para cães.


Veja 5 motivos para o cachorro não querer comer ração:

Apesar do instinto fazer o animal se alimentar o tempo todo, alguns cães podem passar por fases de completa inanição.

É comum alguns donos acharem que seu bichinho esteja fazendo greve de fome. No entanto, geralmente há um motivo real para ele fazer isso.

Dificilmente um cão irá deixar de se alimentar por capricho.

1) A recusa do cão ao alimento pode estar relacionada ao aparecimento de doenças. Algumas enfermidades levam o cachorro a perder o apetite. 

A continuidade da falta de fome pode agravar o quadro da moléstia, pois o animal, além de doente, começa a enfraquecer por causa do jejum.

2) Cães que foram habituados a se alimentar de "comida de gente" podem ficar muito exigentes com relação ao gosto (já que nossa comida é muito temperada).

Não pense em travar uma batalha com ele, caso se recuse a comer. Logo adiante, veremos 10 dicas para fazer o cachorro comer ração novamente.

3) Dependendo do local em que seu pratinho está, o cachorro pode ter mais ou menos vontade de comer. 

O cachorro tem o costume de manter uma fonte de alimento e água distante do local onde faz suas necessidades. Se o jornal ou o tapetinho onde ele se alivia estiverem próximos ao prato, é possível que ele recuse o alimento.

Nessa situação, a simples mudança de cenário já é capaz de resolver o problema.

4) Se você estiver adestrando seu cachorro, e utilizar guloseimas como forma de prêmio, é possível que ele fique sem tanta fome na hora das refeições. 

Além disso, ele pode ficar mais exigente, preferindo os biscoitos, por exemplo, do que a ração.

5) Animais tristes ou depressivos podem perder o apetite.

A depressão canina pode ser causada pela separação prolongada do dono (que saiu para uma viagem, ou se mudou), pela perda de um companheiro ou pela solidão.

90% Truques. Sem adestramento. "Conserte" seu cachorro.

Nesses casos, passar mais tempo com o animal, brincando com ele e conversando amistosamente, pode ser o suficiente.

Alguns cachorros passam a maior parte do dia sozinhos em casa, e apenas à noite, quando os donos chegam do trabalho ou da escola, eles têm companhia. 

Nesses momentos é comum ver o cachorro se alimentando avidamente, agora que não mais está sozinho.


É preciso alimentar cachorro quantas vezes?

Não é aconselhável alimentar o cachorro apenas uma vez ao dia. Isso pode leválo a desenvolver problemas, como obesidade, gastrite ou o hábito de comer fezes

Cães adultos devem ser alimentados no mínimo 3 vezes ao dia. O alimento não deve ficar o tempo todo à disposição, porque pode fermentar, ficar muito seco ou atrair insetos. 

Nesses casos, obviamente o animal não vai querer comer. 

Se fica difícil alimentá-lo 3 vezes ao dia (por falta de tempo ou ausência), o dono deve tomar estas atitudes:


  • fracionar a ração em 3 porções e dar o equivalente a duas partes pela manhã e o restante apenas à noite;
  • ou adquirir um alimentador automático. Esse acessório libera automaticamente a ração para o cachorro nos horários que você programar.

Alimentação do cachorro: quantidade

A quantidade ideal de ração que o cachorro pode comer vem descrita na embalagem do produto.

Você deve oferecer a quantidade de acordo com a idade, porte e raça do animal. Leia a embalagem e use um copo ou tigela com a medida certa. Dessa forma ele sempre vai comer a mesma quantidade.

Esse é o quanto de ração a dar para o cachorro.


Como fazer o cachorro comer a ração

O importante é descobrir formas de fazer o alimento se tornar mais atraente para o animal.

Algumas dicas simples podem ser bastante eficientes nesse caso, fazendo o cachorrinho voltar a ter um apetite normal.

1) Quando o adestramento do animal é realizado com o auxílio de guloseimas, e isso interfere no seu apetite, comece a utilizar os próprios grãos da ração.

Dessa forma, sempre que seu cachorrinho for premiado, dê a ele 1 ou 2 grãos de ração.

Prefira realizar o treino pouco antes da hora da refeição.

Assim seu apetite já vai estar aberto quando chegar a hora de comer no pratinho.

2) Evite deixá-lo na sala de jantar durante as refeições, se perceber que isso altera seu comportamento. Alguns cães devem ter uma área delimitada da casa onde não seja permitido permanecer durante todo o tempo. Ensine-o que, durante o almoço e o jantar, seu cachorro deve ficar em outra parte.

Leia também: Meu cachorro não quer comer ração

Lógico que ele vai continuar sentindo o aroma da comida, mas ao menos não vai vê-la, o que irá diminuir bastante sua ansiedade. Além disso, ao ter seu pratinho perto, ele vai sentir fome e se alimentar.

3) Ao ter a ração recusada, essa deve ser guardada em um saco plástico, para continuar fresca, e apresentada ao cão apenas na próxima vez, como se fosse outro alimento novo.

4) O alimento não deve ser mantido o tempo todo à disposição do cachorro, que eventualmente vai enjoar dele.


O que misturar na ração para o cachorro comer

5) Caso o cachorro insista em recusar a comida, pode-se adicionar algumas substâncias para que a ração fique mais atraente.

Podemos enriquecê-la com algumas gotas de caldo de carne (carne e ossos fervidos em água). Isso pode vencer a obstinação do cachorro.

Existem outros aditivos que podem ser acrescentados, como algumas gotas de iogurte natural, ou azeite.

Às vezes um pouco de água quente faz com que o produto libere novamente o aroma, seduzindo o cão.

6) Alguns donos conversam com o cachorro e fazem carinho nele, quando o animal se recusa a comer. Dessa forma, ele recebe uma dose extra de atenção quando fica em jejum. Com o tempo, ele pode se recusar a comer só pra receber atenção.

Se você abraça o cachorrinho, pega-o no colo e o acaricia quando ele recusa seu alimento, está premiando-o por não comer.

Ele vai continuar agindo assim, pois muitos animais preferem carinho e atenção do que comida.

7) Sempre que adicionar algum elemento à ração, como pedaços de carne, por exemplo, faça antes dele ter recusado o alimento.

Por exemplo: se seu cachorro não quer comer, guarde a ração e apresente na próxima vez, enriquecida com outro produto. Não o deixe ver que você "melhorou" o sabor, senão ele vai aprender que a recusa faz a ração ficar mais gostosa.

8) Vá retirando aos poucos, com o tempo, os produtos que acrescentou, de forma a que ele vá se habituando lentamente com o sabor da ração pura.

9) Às vezes um período de jejum serve para seu cachorro refletir sobre a comida. Um cão pode ficar 2 ou 3 dias sem se alimentar. Desde que não esteja doente ou debilitado, esse tempo não irá causar problemas de saúde nele.

No período, aja naturalmente, apresentando sempre o pratinho na hora da refeição. Até ele começar a ser vencido pela fome.

Caso ele insista além desse espaço de tempo, acrescente alguma nova substância no alimento, sem que ele veja.


Meu cachorro não quer comer ração seca

10) Uma boa ideia é a mistura da ração seca com aquela vendida em latinhas. Por ser mais úmida e geralmente ter uma textura mais leve, o cachorro pode ser levado a experimentá-la, ingerindo o resto do alimento por efeito colateral.

Da mesma forma como já foi dito, basta, com o tempo, ir retirando aos poucos a nova ração e substituindo-a pela antiga.


Troquei a ração do meu cachorro e ele não quer comer

Muitas vezes nosso mascote se recusa a comer quando trocamos a marca ou o sabor da ração. Ele já estava tão acostumado a um tipo que não aceita a mudança.

Nesse caso, devemos agir conforme foi dito anteriormente: esperar 1 ou 2 dias para ver se ele volta a comer normalmente; caso não volte, devemos começar a suplementar a ração com outras substâncias, fazendo-o se sentir atraído pelo alimento outra vez.

Depois que o cachorro já estiver comendo a ração, os suplementos devem ser retirados aos poucos, para que no fim ele coma apenas a ração pura.


Meu cachorro so quer comer carne

Não devemos substituir o alimento dele por outra coisa mais saborosa, pois o cão irá aprender, com o tempo, que sempre que deixar a ração intocada, outra coisa melhor será oferecida.

Se você quiser oferecer porções de carne junto com a ração, lembre-se que, se por qualquer motivo a carne tiver que ser retirada (por motivos de saúde, financeiros ou por praticidade), o cachorro muito provavelmente irá recusar a ração pura.


É bom dar pro cachorro alimentação natural?

Muita gente tem oferecido alimentação natural ao cão. A alimentação natural é aquela cozinhada em casa e suplementada com nutrientes específicos.

É importante pesquisar quais os nutrientes necessários de acordo com a idade, raça, porte e atividades do animal.

Não deixe o cachorro assistir suas refeições

É incorreto, também, fazer o cachorro participar da mesa dos donos. O faro do cão é muito superior ao nosso. Se para nós a refeição cheira bem, imagina para ele.

Para o animal, uma refeição comum é um verdadeiro banquete de cheiros e uma oferta tentadora de comida proibida.

Muitos cachorros que ficam próximos à mesa durante as refeições podem desenvolver ansiedade, pois sabem que o alimento que seus donos estão ingerindo não lhes será oferecido.

Isso pode entristecê-los e deixá-los revoltados com seu pratinho de ração, fazendo-os iniciarem uma greve de fome.

Cachorro pode comer whiskas?

Quem tem um gato e um cachorro sabe que o cão sempre vai preferir a comida do gato.

Isso não é apenas uma mania. A comida do gato é mais atraente pro cachorro, porque é feita para o paladar felino (que é muito mais exigente).

A ração para gatos vem com uma quantidade maior de gorduras e proteína. além disso, tem mais textura, sabor e aroma do que a do cachorro (isso porque o gato é muito chato para comer e enjoa fácil).

Não é um problema sério se o mascote roubar a comida felina uma ou outra vez. Mas se estiver acostumado a fazer isso, pode sofrer a longo prazo.

A gordura e a proteína extras do alimento podem causar problemas renais, diarreias e obesidade.

Portanto, não é uma boa ideia deixar seu cachorro roubar a comida do gato.


90% Truques. Sem adestramento.

Não gostamos de adestramentos longos e cansativos. Queremos "consertar" rapidamente os hábitos ruins dos nossos cachorros (latidos excessivos, destruição da casa, mordidas dolorosas, mania de ingerir fezes, etc.) sem adestrar, apenas com truques. 

90% Truques. Sem adestramento.