Meu cachorro está tremendo!


O cachorro treme por quê? 

Quando o cachorro treme, o que pode ser?

Às vezes pode se tratar de alguma coisa simples, sem importância. 

Em outras, o animal pode estar sinalizando uma condição de saúde que deve ser observada.
Você deve prestar atenção aos motivos que o levam a agir assim. 

Faça essas perguntas: Meu cachorro treme dormindo? Meu cachorro treme a cabeça? Meu cachorro treme de medo?


Dependendo da resposta, os motivos podem ser diferentes e distintos.

É normal ficar apreensivo. Afinal, tremer o corpo inteiro não parece ser uma coisa natural.


Os tremeliques do seu cachorrinho

É possível que o animal, nessas ocasiões, comece a tremer o corpo todo, ou a cabeça ou, ainda, o traseiro.

Pode acontecer dele tremer apenas as patas posteriores; ou então, os tremores são acompanhados por ganidos ou gemidos baixos.

Excetuando-se aquelas situações em que o bichinho está feliz ao ver o dono, ou porque percebe que vai passear, esses tremores podem ser indícios de condições de saúde, graves ou moderadas, e é sempre bom ficar atento.

Preste atenção a estes sintomas:


  • fezes acompanhadas de sangue;
  • diarréia persistente;
  • vômito e falta de apetite;
  • febre e desânimo;
  • o cachorro geme ao se levantar;
  • olhos congestionados e muco excessivo.


Esses sintomas podem revelar doenças perigosas, como a raiva, cinomose e parvovirose. Elas são graves e podem causar morte (no caso da raiva, até mesmo a morte do dono).

Se o cachorro tiver 3 ou mais desses sintomas, você deve procurar um veterinário.

O cachorro treme de dor

Uma das causas da tremedeira no cachorro pode ser a dor. O cachorro se sacode na tentativa de afastar o desconforto ocasionado pela dor localizada ou generalizada pelo corpo.

Além disso, se as dores foram de articulação, nas patas, por exemplo, ele pode tremer ao não conseguir se firmar em pé.

O aparecimento de dor nas articulações depende da raça, e do porte do cachorro, bem como da idade.


Quando o cachorro está tremendo

Cães pesados e de porte grande, principalmente aqueles acima do peso podem sofrer de displasia de quadril ou artrite.

Dessa forma, eles não conseguem ficar em pé sem tremer, e às vezes tremem quando estão deitados, por causa da dor.


Displasia de quadril no cachorro

Nessa condição, o cachorro pode tremer ao levantar-se da cama ou após praticar um exercício mais exigente (ou até mesmo exercícios leves, se a condição já estiver adiantada).


Ele vai demonstrar que não consegue firmar as patas no chão com muita segurança.

É fundamental o dono do animal de grande porte verificar onde o cão dorme e evitar que seus membros inferiores fiquem "esmagados" sob o peso do corpo. 


O tremor do cachorro

Em alguns casos a tremedeira pode estar localizada apenas nas patas, e podem indicar um ferimento, uma distensão muscular ou outro desconforto localizado.

O animal não vai informar por escrito o que está sentindo, motivo pelo qual o dono deve estar atento aos seguintes indícios:

1) o cachorro geme ao se levantar da cama  ou ao deitar-se, como se praticar qualquer um desses atos fosse muito difícil;

2) evita movimentar-se com frequência. 

Se era um cão ativo, permanece quieto a maior parte do tempo; evita brincadeiras de que antes gostava; é difícil fazê-lo se levantar até para ir comer.

3) não demonstra mais alegria ao ser convidado para passear, ou demonstra uma alegria discreta.


Avalie a condição de saúde do cachorro

Comece verificando se sente algum desconforto nas patas, apertando-as suavemente. Se doerem o cachorro vai tentar retirá-las da sua mão.

Ponha-o em pé e veja se a postura está correta, se ele "coxeia" das patas traseiras ao caminhar, se procura se deitar o mais rápido possível para acabar logo o exercício. 

90% Truques. Sem adestramento. "Conserte" seu cachorro.

É possível verificar com alguma facilidade a exata localização da dor, e isso vai tornar a ida ao veterinário mais breve e objetiva.


Cachorro tremendo - leve ao veterinário

Esse exame rápido não substitui a ida ao profissional, mas pode ajudá-lo a encontrar o diagnóstico correto mais brevemente, o que facilita o tratamento.

Quando o profissional recebe o cachorrinho já com informações do dono, tudo fica mais fácil.


Por que o cachorro treme quando dorme

O cão que treme ao dormir pode estar sonhando. 

Durante o dia o bichinho corre por tudo, vê e ouve tudo, e se ocupa com suas atividades diárias. À noite, o cérebro dele revisa tudo o que ele fez, igual ao que acontece com os humanos.

Ele treme geralmente por estar sonhando com caminhadas, corridas, etc.

Ele pode estar sonhando com o dono, com as brincadeiras que fez com ele.

É possível vê-lo tremendo as patinhas enquanto dorme. Às vezes ele tenta latir, e começa a ganir. Tudo isso é normal e esperado de um cão saudável, principalmente se for filhote.


Cachorro tremendo - Outras hipóteses

Outras condições mais graves também podem causar os tremores, como doenças ou lesões relacionadas ao cérebro e medula espinhal.

Ainda, diabetes ou doença renal podem causar alterações nos movimentos do mascote, principalmente tremores nas pernas.

Nesse caso, uma dieta através de rações com menos sódio e a suspensão de guloseimas serão obrigatórias, além do acompanhamento médico regular.

Em outros casos, a perda de massa muscular nas pernas traseiras (por motivos diversos) pode ocasionar espasmos e tremedeira no local.

Caso o cãozinho esteja com febre, os tremores podem ser uma reação natural ao aumento da temperatura, e o motivo da febre deve ser investigado. Veja aqui como descobrir se seu cachorrinho está com febre.


Quando o cachorro treme

Em última análise, tremores intensos e repentinos, que incapacitam o cachorro a se mover, podem estar relacionados a envenenamento. 

Geralmente o cachorro vai babar, vomitar e ter espasmos involuntários, seguidos de paralisia em alguns membros, ou todos, e a ida ao veterinário deve ser feita o mais rápido possível.

Seu cachorro treme o tempo todo?

Outro motivo para os tremores pode estar relacionado ao frio. Nem sempre percebemos que o bichinho, embora tenha um casaco de pele natural, pode estar acusando a temperatura muito baixa.

Se sentimos frio, é bem provável que nosso mascote também deva estar sentindo também. Nesse caso, uma boa roupinha pode ser um mimo importante a dar a ele. 


O cachorro treme ao receber carinho

Se seu cachorrinho se treme todo, ou treme a patinha, como se estivesse se coçando, quando você o acaricia na parte lateral do corpo (na região das costelas ou no lombo), pode estar certo de que você tocou um ponto sensível do corpo dele.

Essa região compreende as costas, lados e flancos, podendo variar entre cada cachorro, e é particularmente sensível ao toque e aos carinhos. 

É possível que ele se mova como se estivesse com coceira, ao ser acariciado ali. O movimento é desencadeado por reações interligadas à medula espinhal, e é natural do cãozinho.


O cachorro tremendo

Verificar se as causas dos tremores no bichinho são naturais (um pouquinho de ansiedade ou até mesmo a alegria de ver o dono) é obrigação do proprietário.

É importante observar se ele consegue ter uma vida tranquila e saudável. Em alguns casos pode ser necessária uma intervenção cirúrgica ou tratamento através de remédios ou, ainda, um adestramento mais eficaz.

Em outros, uma modificação na dieta pode ser suficiente para que ele deixe de tremer ou diminua bastante o ato.

De qualquer forma, um cachorro saudável sempre vai tremer um pouquinho. O excesso é que deve ser verificado.


90% Truques. Sem adestramento. 

Não gostamos de adestramentos longos e cansativos. Queremos "consertar" rapidamente os hábitos ruins dos nossos cachorros (latidos excessivos, destruição da casa, mordidas dolorosas, mania de ingerir fezes, etc.) sem adestrar, apenas com truques. 

90% Truques. Sem adestramento.







168 comentários:

  1. Meu cachorrinho esta tremendo um pouco será por causa da otite que esta sendo tratada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      é possível. A otite muitas vezes pode causar febre. Durante a febre, o organismo sente mais frio, pois o corpo está bem mais aquecido do que o ambiente. Continue monitorando e veja se, quando a otite estiver curada, ele continua tremendo.
      Abraços!

      Excluir
  2. boa tarde , minha cadelinha tem 12 anos , e de uns dia pra va notei que ela esta tremendo muito , sem disposicao para brincar , so fica deitada tremendo , devo me preocucpar ou isso e normal pela idade dela ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      se essa mudança de comportamento foi abrupta, pode sim significar algo a se preocupar. Alguns cães, quando atingem determinada idade, podem se tornar mais apáticos e quietos. No entanto, essa mudança deve ocorrer gradualmente. Se foi muito rápido você deve verificar, pois mudanças rápidas têm a ver com a saúde do animal.
      Procure um profissional, se desconfiar que ela possa estar sofrendo algum problema de saúde.
      Boa Sorte!

      Excluir
  3. tenho um pitbull com 4 anos e ele treme demais as pernas posteriores, principalmente quando senta, pq será?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, muitas vezes não conhecemos o cruzamento que o cachorro teve. Sem saber sobre os pais do cãozinho, fica difícil compreender o que pode acontecer com ele. Normalmente um cachorro saudável, com uma boa alimentação e bem tratado não vai tremer em demasia. Um pitbull é um cão robusto. Com 4 anos não é velho.

      Tremedeiras podem significar uma condição congênita. Verifique a alimentação, se é adequada à idade, raça e porte. Verifique o local onde ele dorme, se não é muito duro, frio ou úmido. Verifique se as vacinas estão em dia, se ele está desverminado. Essas informações são muito importantes para saber o que o leva a tremer.

      No entanto, se as tremedeiras são poucas e raras, talvez não seja nada importante.

      Abraços!

      Excluir
  4. Ola meu cachorro ontem tomou sua primeira vacina a v10, ele tem 2 meses, e está fazendo um xixi com a cor forte o que é isso ? É reação da vacina ?
    Oque faço ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      geralmente filhotes de cachorro podem sofrer algumas reações por causa da vacina. Ainda mais em idade tão tenra.

      O que é preciso verificar é:
      - há quanto tempo ele está com essa reação?
      - há outras reações (falta de apetite, diarreia, apatia, choro...)?
      - aumentou/diminuiu o número de vezes em que ele faz xixi?

      Essas questões são muito importantes, pois nessa idade o cachorro pode estar sofrendo de alguma insuficiência renal, por exemplo, causada pela alimentação ou congênita. Nesse caso a opinião de um profissional é importantíssima. É importante relatar ao veterinário todas as informações que você tiver.
      Boa Sorte!

      Excluir
    2. o meu cachoorro ele e filhote e ainda nao desmamou e quando fica de noite ele treme e quando elA dorme nao treme e por causa do frio

      Excluir
    3. Olá,
      filhotes devem ser monitorados por causa do frio. Há sempre a possibilidade deles sentirem com maior grau a friagem, mesmo que esteja calor para nós. Nunca é demais agasalhá-los e, em noites mais frias, colocar uma bolsa de água quente junto à caminha. Isso, em geral, já é suficiente.

      Abraços!

      Excluir
  5. O meu cachorro em certas horas se esconde e se nós chamamos ele começa a tremer, dependendo ele até rosna. Passeamos com ele todos os dias. Ele só come ração super premium, tem brinquedos em casa. Esse comportamento iniciou-se há algumas semanas. Não sente dor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, você não menciona nem a idade nem a raça do seu cachorrinho. Dependendo da idade ou da raça, tremer um pouquinho é normal. Cães de porte pequeno ou Toy costumam tremer bastante. Eles são ansiosos por causa da própria raça. Se forem mais velhos, tremer é um comportamento fisiológico deles.
      O fato dele se esconder parece ser uma situação atípica. O cachorro que se esconde pode estar sinalizando algum trauma recente. Veja se alguém em algum momento o agrediu ou ralhou demais com ele.
      Se você tem pátio, pode ter sido vítima de algum ataque de outro cão maior (mesmo pela cerca) ou de algum vizinho incomodado por causa do barulho ou por maldade.
      Se ele vive em apartamento, pode ter sido assustado eventualmente.
      Pode não se tratar de problemas físicos. Da forma como você descreve, parece um problema comportamental. Verifique o que modificou suas atitudes e procure recuperá-lo com cuidado e paciência.
      Boa Sorte!

      Excluir
  6. Minha cachorra tem 2 anos é uma SRD e depois de acolhermos uma outra cadelinha mais velha ela passou a ficar com o rabo entre as pernas e apresenta tremores nas patas traseiras. A alimentação/xixi/côco/cor das gengivas e olhos estão normais. O que pode ser??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      você fez o que era certo. Verificou a saúde geral do cachorrinho e praticamente descartou alguma possibilidade de doença.

      O que você descreve parece ser uma situação típica de mudança brusca de comportamento. Isso ocorre quando algo modifica a dinâmica da família, como a chegada de bebês, mudança de casa, mudança nos hábitos ou a adoção de outro cachorro.

      Se a mudança foi muito brusca e ocorreu justamente depois que o outro cachorro foi adotado, você pode descartar outras causas. É comum, também, que aconteçam modificações no aprendizado, como fazer as necessidades no lugar errado, latir em demasia, chorar, perder o apetite, enfim, o cachorro pode "desaprender" tudo o que tinha aprendido.

      Duas coisas serão necessárias nesse caso: paciência e controle.

      Você vai ter que ter paciência para reeducar o cachorro, se ele começar a se comportar de maneira errada.

      E você pode começar a controlar o tempo em que eles ficam juntos. Quando o cachorro não se incomoda com o outro cão, não há problema nenhum. Mas quando ocorre essa situação, é uma boa ideia você mantê-los afastados durante um certo período do dia, aproximando-os durante algum tempo, para evitar que se estranhem. Também é muito recomendável que você dispense a mesma atenção para os dois, inclusive podendo até dar atenção a mais para o cachorro que treme.

      Além disso, observe se o cachorro que chegou depois não está intimidando o parceiro. Isso é comum e faz parte do jogo de ganhar território, que é algo importantíssimo entre os cães.

      Procure envolvê-los em jogos e atividades conjuntas. Isso os faz se acostumarem um ao outro. Veja que mesmo que eles não briguem e não rosnem entre eles, isso não significa que o cachorrinho não esteja se sentindo intimidado ou incomodado com a nova presença.

      Boa Sorte!

      Excluir
    2. Olá !!!Eu quero saber uma coisinha,tenho um filhote de cocker e ao dormir ela treme bem pouquinho, mais é bem pouquinho, mais do mesmo jeito eu me preucupo.E as vezes quando ela vai ao quintal ela começa a me morder , chorar, latir, e tremer, .É apenas ansiedade ao ver o "quintal , ou pode ser indícios de problemas psicológico, ou físico?O que fazer pra diminuir?

      Excluir
    3. Olá,
      Você tem que verificar o seguinte: A saúde geral do animal, se ele está com as vacinas em dia, a desverminação está em dia, e se ele está bem nutrido e saudável. Depois de ter verificado isso, você pode pensar em outras opções.

      Muito provavelmente, por ser filhote, tudo ao redor dele ainda é novidade. Dessa forma, ao ver o quintal ele pode começar a se sentir um pouco intimidado, principalmente se há outros animais por perto.

      No entanto, isso também pode indicar a possibilidade de um cachorro tímido e arisco. Se for o caso, ele deve ser adestrado a adquirir maior confiança, ou então se tornará um cão chorão que se recusa a ficar sozinho, por exemplo.

      No entanto, tudo vai depender da sua observação atenta. Habitue-o a sair para o pátio tão logo seja possível (ele só pode sair quando tiver tomado todas as vacinas, para não correr riscos de contrair doenças).

      Aos poucos, socialize-o com outros cães, para que ele adquira mais confiança. De qualquer forma, alguns cães têm essa característica, de tremer sem motivos. A dica é observar a saúde geral do bichinho, para evitar surpresas.

      Boa Sorte!

      Excluir
  7. Oi, boa noite. Tenho uma cachorra que acolhi da rua, ela não tem raça definida e tem em média quatro anos. Nos últimos dois anos ela tem apresentado casos isolados e em datas distantes de tremedeiras que afetam principalmente as patas traseiras. Em algumas vezes a musculatura dela trava, ela fica bastante inquieta, algumas vezes vomita depois de parar de tremer e já ouve casos dela se urinar além de vomitar. Ela é bem ativa depois que passa. Se alimenta normal, urina, defeca, tudo normal, porém me preocupo pois nao sei se isso é algo ligado a musculatura ou se isso pode ser algo mais grave, por não ser corriqueiro gostaria de saber como devo proceder ou ter uma idéia do que poderia ser.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      as informações que você revela parecem bem sérias. Logo de cara os tremores não parecem ser decorrentes de frio ou ansiedade, ou nervosismo e medo. O que parece acontecer com seu cachorro pode estar relacionado com problemas neurológicos. Alguns cães podem sofrer de epilepsia, o que os faz passarem por situações de tremedeira e vômito. Um outro aspecto do que você relata pode significar uma situação igualmente séria, quando atinge os movimentos das patas traseiras.

      A ida ao veterinário parece ser uma obrigação no caso, pois com o acompanhamento correto essas situações podem diminuir bastante, ou atém mesmo cessar.

      Boa Sorte!

      Excluir
  8. olá! tenho um bulldog francês que vem tremendo (tendo pequenos espasmos perto da cabeça, pescoço, e patas dianteiras) de forma regular e repetida a cada 5 segundos + - (até mesmo dormindo). Já levei no veterinário, e ele me disse que era normal, porém o cachorro não fazia isso antes. Você sabe o que pode ser?

    Grato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      tremores em cães que não estejam relacionados a doenças, enfermidades em geral, podem ter outros motivos bem mais específicos.

      Cães com o pelo mais curto podem sofrer de calafrios relacionados com a própria temperatura ambiente. Isso acontece por causa da temperatura corporal do cão. Para nós pode parecer calor, mas para eles está mais frio.

      Outra hipótese é a ansiedade natural de cachorros de menor porte. Cães menores são muito mais ansiosos e impacientes. Eles ficam nervosos com muita facilidade. Além disso, podem ser mais facilmente assustados por alguma pessoa, animal ou evento.

      O importante é descartar logo de cara problemas relacionados à saúde do animal, e isso você já fez.

      Abraços!

      Excluir
  9. Olá tenho uma labradora ela Esta com a doença cinomose ficou internada tudo. Ñ sei se ela sarou. Agora ela está pior a cada dia está tremendo o músculo da cabeça pula muito ela ñ levanta mas as pernas traseiras tem fraquezas chora muito. Isso é um caso grave preciso de ajuda. Ass Gislene

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      em primeiro lugar, se ela estava internada por causa da cinomose, você tem que procurar saber se ela foi ou não curada. Tremores em animais atacados com cinomose são frequentes. Os tremores em si não significam grande coisa. Na verdade, eles estão sinalizando a doença, são um mero sintoma da cinomose. O que você tem que fazer é procurar o veterinário que internou sua labradora e ver com ele se ela foi ou não curada. Para isso são necessários exames médicos que podem atestar se a doença foi erradicada do organismo do animal ou não. Quadros graves da doença fazem o cachorro perder a força dos membros. Com o tempo ela não conseguirá se erguer. Essa é a evolução da doença.

      Abraços e Boa Sorte!

      Excluir
  10. Boa noite minha cachorra castrou faz 10 dias e após a castração não quer mais comer, se come algo passa algum tempo e vomita
    E ao se levantar observo tremores na cabeça e as vezes tremores pelo corpo.
    O que pode ser a causa dos tremores ?
    Ela já está sendo medicada e está a espera dos exames, mas isso é algo que me preocupa muito. Pelo fato de após a castração seu comportamento ter mudado de uma forma repentina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      se ela não apresentava esse comportamento anteriormente, é bem possível que o fato esteja relacionado à cirurgia.

      Após a boa cicatrização, talvez o apetite retorne normalmente. Você tem que observá-la e se certificar de que se alimente o minimamente necessário, até que volte ao normal.

      Tente alimentá-la com calde de carne e caldo de arroz. Isso pode mantê-la até o apetite voltar. É importante verificar se ela piora ou melhora lentamente.

      Boa Sorte!

      Excluir
  11. Tenho um chow chow 2anos e agora derepente quando se levanta treme um pouco a cabeça e dpois para

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      os tremores que acometem os cachorros podem ser classificados como: tremores de frio, tremores de ansiedade, tremores de dor, tremores de dificuldade de movimentação.

      Tremer a cabeça parece ser um ato isolado de quando o cachorro se levanta, como um arrepio.

      Caso o cãozinho tenha alguma condição de saúde, deve ser avaliado isso e os tremores. Mas, isoladamente, tremer a cabeça pode ser apenas um hábito decorrente de frio, ou do fato de ter levantado da cama.

      Agora, se ao tremer seu cachorro na verdade sacode a cabeça, dê uma olhada dentro do seu ouvido. Às vezes o animal é acometido de sarna de ouvido, o que causa grande incômodo e o faz agitar a cabeça.

      Boa Sorte!

      Excluir
  12. Parabéns pir sua atenção e conhecimento.Suas respostas foram de grande ajuda.

    ResponderExcluir
  13. Oi,
    Eu tenho um Shih Tzu que tem 3 meses e meio. E a 2 dias ele começou a se negar a comer e beber água. Logo depois começou com vômitos e diarréia de cor meio alaranjada. Contatei o veterinário informando os sintomas (pois ele está fora da cidade e só retorna daqui a 2 dias). Ele mandou que eu desse Giardicid suspensão de 12 em 12 hrs por 7 dias e tbm um vermífugo de 24 em 24 hrs por 5 dias. Como ele estava se desidratando comecei a dar água de coco.
    Hoje dei a primeira dose dos remédios, e notei uma melhora nele, já está até brincando e come um pouco quando damos na boca (antes só ficava deitadode amuadinho na cama dele). Apesar da melhora reparei que ele está tremendo. Gostaria de saber de é normal devido ao tratamento ou se devo me preocupar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      você entrou em contato com o veterinário e ele, pelos sintomas que você descreveu, achou que o cachorro estava com Giárdia.

      Esses sintomas indicam deficiência no cachorro, provavelmente resultado de uma parasitose. A melhora do cão deve estar associada à administração do medicamento, pois com a ajuda dele o cachorro conseguiu vencer o parasita.

      O tremor também está relacionado a isso. Por ainda estar enfraquecido, o animal treme e se sente pouco seguro ao ficar em pé.

      A alimentação adequada, os cuidados e os medicamentos irão devolver a saúde do cachorrinho.

      Boa sorte!

      Excluir
  14. Boa tarde, tenho uma shih tzu de 60 dias e a uma semana (mais ou menos) eu notei q ela tem leves tremores, só na cabeça... Ela n treme enquanto dorme, ela n treme o corpo, n sente dor em nenhum local do corpo quando tocamos, ela n chora, n late e n brinca muito, passa a maior parte do tempo dormindo ou deitada, mas quando levanta, a cabeça dela treme, n é um tremor continuo, tipo, treme um pouco e logo para, depois volta a tremer, principalmente quando ela inclina a cabeça para cima... E ai, algum parecer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      o tremor pode estar relacionado à idade dele. Filhotes podem tremer sem motivo, pois têm maior dificuldade em manter a temperatura corporal. Isso pode ocorrer mesmo que na sua cidade a temperatura seja elevada.

      A aparente apatia pode também estar relacionada à idade. Filhotes podem querer dormir o tempo inteiro. Mas você deve perceber se essa apatia não é depressão. Ao ser separado da ninhada, eles podem sentir falta da mãe e dos irmãos, e ficar tristes. Nesse caso, você deve passar bastante tempo com ele e incentivá-lo com brincadeiras e treinos, para que não passe muito tempo apático.

      Além disso, verifique se a vacinação está em dia, e também a desverminação.

      Boa Sorte!

      Excluir
  15. Olá minha cadela é muito ativa mas de uma hora pra outra parou de latir, comer e tem ficado com as patas traseiras tremendo muito. Ela consegui andar, mas fica o tempo todo com o rabo entre as patas. Ela é poodle e tem entre 4 a 5 anos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      em primeiro lugar você tem que verificar se todas as vacinas e desverminação estão em dia. Algumas parasitoses podem causar esse tipo de situação ao cachorrinho. Além disso, Parvovirose, Cinomose e até mesmo Raiva podem ser responsáveis por sintomas como este que você descreveu.

      Esteja atento para esses outros sintomas:
      - urina com sangue,
      - espuma na boca,
      - paralisia geral ou em alguns membros,
      - olhos vidrados,
      - impossibilidade de mover a cabeça,
      - corpo totalmente endurecido,
      - febre.

      Esses sintomas podem indicar com alguma certeza a presença de Parvovirose, CInomose ou Raiva.

      Boa Sorte!

      Excluir
  16. Olá, tenho um cachorro idoso, de 14 anos, ele era bem ativo, nem parecia ter essa idade avançada, mas de uns meses p cá ele está andando puxando uma pata, como se travasse ao andar, mas aparentemente sem dor, pq ele adora andar e as vezes da até umas carreirinhas brincando rsrs. Mas o que mais me preocupa agora é que por 3 dias seguidos ele anda por um tempo com a cabeça levantada com pequenos espasmos, como se fosse tremores, mas são mais lentos e ele fica meio sem noção de espaço, como se buscasse reflexos da luz, batendo nas coisas. Isso não é constante, mas aconteceu por 3 dias seguidos. Ele tem otite, mas come bem e está alegre, não demonstra sentir dor mesmo nessa ocasião, pq qnd chego perto dele, ele se amostra rs. De toda forma, vou levá-lo ao veterinário p saber se isso é neurológico ou devido alguma inflamação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      o importante é investigar os motivos. Levá-lo ao veterinário é uma boa ideia. Cães idosos podem realmente sofrer de espasmos por causa da idade, da dificuldade em se movimentar e até por princípio de displasia. A displasia pode afetar articulações, dificultando sua movimentação e até mesmo causando espasmos, tremores e outros quadros.

      É muito importante que ele seja monitorado com relação às vacinas e à alimentação.

      Boa sorte!

      Excluir
  17. Ola, minha cadela começou a tremer de repente, treme muito quando a coloco na sacada onde ela fica,fica em cantos escuros e não quer comer, o que ela tem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      em primeiro lugar, veja se ela está com a vacinação em dia, principalmente contra raiva. Cães que procuram cantos escuros devem ser monitorados atentamente.

      Além disso, verifique se ela não está assustada com alguma coisa. Animais na sacada podem ser assustados com pássaros, outros cães em sacadas próximas, frio, chuva, etc.

      Deixar de se alimentar pode estar relacionado com problemas graves, por isso é necessário saber se ela está com a vacinação em dia.

      Boa Sorte!

      Excluir
  18. Olá, minha cachorra retirou um cancer e após a cirurgia ela tirou os pontos com os dentes e ficou aberto, e depois disso ela treme o corpo todo. Sera que ela esta sentindo alguma dor?

    ResponderExcluir
  19. Olá, minha cachorra retirou um cancer e após a cirurgia ela tirou os pontos com os dentes e ficou aberto, e depois disso ela treme o corpo todo. Sera que ela esta sentindo alguma dor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      provavelmente a tremedeira tem a ver com a dor e o estresse em relação à cirurgia. Ter seu corpo invadido e ser submetida a um procedimento cirúrgico é motivo suficiente para que ela se sinta em pânico e tenha esse comportamento.

      Depois de devidamente suturados os pontos novamente, você deve colocar um daqueles colares para impedir que ela tenha acesso de novo aos pontos.

      Boa Sorte!

      Excluir
  20. Oi, boa noite!
    A minha cadela ta muito estranha. Ela "adotou" um pão e o guarda num lugar que se alguém chega perto ela fica agressiva. Hoje ela se isolou nesse local e ta deitada, tremendo bastante e com o olhar triste.. Mas antes tava bem. Eu to preocupada, pois nao sei o que fazer, ela não sai de lá por nada e se chegarmos perto, ela rosna.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      esse comportamento é realmente estranho. O que você deve se certificar é se ela está com a vacinação em dia. Todo o caso de agressividade deve ser levada muito a sério, pois não é um comportamento normal do cachorro em relação a seus donos.

      Episódios de raiva podem começar assim. Cães com dificuldade de se alimentar (porque a hidrofobia paralisa alguns nervos do corpo, principalmente aqueles relacionados à deglutição) devem ser monitorados de perto. O fato dela ter adotado um pão pode significar que ela não esteja conseguindo se alimentar devidamente. Veja outras atitudes, como dificuldade de beber água, se alimentar, baba, olhos injetados.

      Boa Sorte!

      Excluir
  21. Meu amigo é um poodle de 9 anos e ele está tratando uma alergia na pele a 2 meses com um melhora durante esses dias, porém nos últimos dias a pele dele piorou(principalmente na parte traseira) se coçando muito, se lesionando e tremendo essa região. Essa tremedeira tem me preocupado. Vocês podem me falar algo sobre isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      a tremedeira obviamente está relacionada à alergia. A coceira cria uma sensação muito desagradável, principalmente quando há queda de pelo e descamação, o que indica que a alergia é bastante grave.

      O cachorro está sinalizando todo seu desconforto. Isso porque a coceira deve ser tão forte que já não basta se coçar, ele se treme todo por causa dela.

      O primeiro passo deve ser descobrir a origem da alergia. Muitas vezes ela pode estar relacionada à alimentação. Algumas rações, hoje em dia, fazem uma adição grande de corantes, o que pode ser prejudicial ao cãozinho. Experimente escolher rações sem cor. O cachorro não enxerga as cores do mesmo jeito que a gente, para ele não importa a cor do alimento, e sim o gosto.

      Mude a marca e o tipo da ração. É muito importante descobrir a causa da alergia antes que a coceira se torne tão forte que cause lesões graves, sujeitas a infecções.

      Mesmo depois de curado, seu cachorro pode começar a tremer a parte onde havia a lesão, por causa do costume adquirido. Por isso é bom resolver antes que ele pegue essa mania.

      Boa Sorte!

      Excluir
  22. Olá tenho uma lhasa de 3 anos e de repente ela começou a tremer quando está alegre. Treme o corpo todo por alguns segundos e depois para. Ela não sente dor nem nada, apenas se treme toda. Nunca aconteceu isso antes. O que poderia causar essas tremedeiras? Desde já agradeço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      nesses casos devemos primeiro procurar motivos físicos no cachorro. Se ela está bem nutrida, saudável e com todas as vacinas em dia, isso significa um grande alívio.

      Posteriormente, veja se há causas relacionadas a estresse ou medo, veja se há outros animais que a estejam amedrontando, veja se houve mudanças de hábitos que a prejudicaram.

      Quando todas essas possibilidades estiverem descontadas, você pode ficar mais tranquilo. Cães de menor porte têm a tendência de tremer o tempo todo, principalmente quando estão ansiosos. A ansiedade pode ocorrer quando está próximo o momento de sair para passear, ou quando o dono retorna para casa, ou quando é hora de brincar ou se alimentar. Isso pode ser considerado normal nesses cães.

      Adicionalmente, reveja o ambiente, considerando o uso de roupas apropriadas, caso esteja muito frio, a elevação da cama dela, para impedir que a umidade e o frio a atinjam.

      Boa Sorte!

      Excluir
  23. Ola.
    Tenho um vira lata ja idoso, mas como ja o adotei velhinho nao sei qual a idade. Essa manha ele caiu sem os movimentos no chao, ganindo, tremendo e babando. Acho que era uma convulsao. Mas as convulsoes costumam durar no maximo alguns minutos e ja se passaram mais de quinze hotas e ele ainda nao anda nem se movimenta de forma alguma, exceto durante os espasmos... acho que ele esta morrendo. Ja o coloquei em um lugar confortavel e estou fazendo companhia, carinho etc. Se ele ainda tiver batimentos quando amanhecer vou leva-lo ao vet. Mas ele nao responde a nenhum estimulo... como faco pra mantelo confortavel? Como posso mantelo hidratado?? Oq eu faco ate de manha??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, como você já sabe que ele pode estar sofrendo de convulsões, você deve deixá-lo o mais confortável possível. De preferência deite-o de lado, para que não ocorra o congestionamento das vias respiratórias, ou obstrução.

      Hidrate-o da seguinte forma: Veja se ele tem condições de beber por conta própria. Aproxime um pote de água dele e veja se ele consegue beber. Caso contrário, molhe a ponta de um paninho e coloque na boca dele para que absorva a umidade. Veja se ele consegue ingerir algum alimento, utilizando-se do mesmo expediente para fazê-lo ingerir caldo de carne e caldo de arroz (sem temperos).

      Verifique a pulsação pressionando a pata, logo depois das botinhas do cachorro. Ali é mais fácil verificar se ele ainda tem batimentos. Você pode, também, verificar a respiração dele através de um espelho colocado próximo às narinas, vendo se ele fica embaçado.

      Se o pior acontecer, leve-o ao veterinário de sua preferência e escolha qual método você pretende despedir-se do seu mascote, se através da cremação ou enterro.

      É importante que os últimos momentos do seu cão não sejam solitários. Ele foi seu companheiro, então seja o dele e o acompanhe nesse momento.

      Boa Sorte!

      Excluir
  24. Olá, tenho uma boxer de 9 anos com cardiomiopatia. Desde a descoberta da doença observo que ela treme muito, diversas vezes ao dia. Treme o corpo todo. O que poderia ser essa tremedeira? Ela toma vários remédios de manhã e de noite.
    Obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      existem condições de saúde que refletem diretamente na tremedeira do cachorro, em especial todos os tipos de cardiopatia. Além disso, o cachorro pode sofrer as consequências dos efeitos colaterais dos medicamentos. É importante que você acompanhe a situação e monitore a evolução do quadro. Outra coisa a se levar em consideração é a idade, que no quadro geral vai pesar um pouquinho mais nos motivos da tremedeira.

      Certifique-se que o cachorrinho esteja bem nutrido, saudável e agasalhado de acordo com o clima. Cães têm a temperatura um pouco superior à nossa.

      A tremedeira natural em um boxer não é algo comum, visto o porte atlético e musculoso. No seu caso há alguns agravantes que devem ser sempre monitorados.

      Boa Sorte!

      Excluir
  25. Olá, minha cachorra é de porte médio, tem uns 11 anos, mas não apresenta sinal de velhice. Apenas um cisto que apareceu na parte de cima da coxa e é a quarta vez que ela apresenta um comportamento estranho que vem de uma hora pra outra e passa no outro dia.
    Ela fica quietinha no canto e às vezes levanta e começa a caminhar rápido de cabeça baixa e agoniada, como se estivesse sentindo dores e nessa caminhada rápida, ela estica (como se estivesse se alongando), somente a pata esquerda, onde não tem o cisto e há poucos minutos atrás estava tremendo e com os sintomas acima, e ás vezes ela dá um chorinho.
    Acha que pode ser por causa do cisto?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      se o cisto está sob controle, dificilmente tem a ver com isso. O que pode estar acontecendo é realmente problemas relacionados à velhice. Aos 11 anos, um cachorro de porte médio está com a idade bem avançada. É comum cães idosos começarem a tremer, pois já não têm o mesmo controle dos membros inferiores. Além disso, podem estar demonstrando algum desgaste nas patas, o que pode ser o caso da perna esquerda quando ela levanta. Ao ficar deitada, ela pode estar perdendo a devida irrigação no membro, e quando ela levanta, sente formigamento, paralisia ou desconforto na perna.

      Caso a tremedeira não esteja relacionada a problemas de saúde (o que deve ser verificado por um profissional), às vezes uma cama mais macia e afastada do chão pode resolver em parte a situação. Cães pesados exercem pressão sobre os membros, o que pode causar desconforto a longo prazo.
      Boa Sorte!

      Excluir
  26. Olá , gostaria de saber .. Eu achei uma filhote de cachorro na rua .. Porém ela está tremendo e não fica em pé é fica gemendo o tempo todo .. Eu não sei oque fazer ..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      cães de rua, principalmente filhotes, geralmente têm uma ampla gama de parasitoses. Vermes, pulgas, carrapatos, ácaros, sarna e eventualmente alguma doença contagiosa. Quando crescem, muitos cachorros conseguem vencer algumas dessas moléstias, em uma espécie de "seleção natural". Por isso os vira-latas de rua são considerados cães mais resistentes e fortes, pois são expostos a bactérias, doenças e parasitas muito cedo e precisam vencê-los ou então irão morrer.
      O cachorrinho que você encontrou talvez ainda não tenha vencido essas doenças. Ele pode estar enfraquecido pela dieta pobre e pelo estado geral de saúde. Além disso, pode estar faminto e amedrontado, por ser um filhote exposto às severidades da rua.

      Você deve pensar em iniciar com as vacinas, desverminação e alimentação de qualidade, antes de qualquer coisa, caso deseje adotá-lo.

      Boa Sorte!

      Excluir
  27. ola eu tenho uma cachorrinha de dois anos da raça schnauzer ela sempre treme quando soltam foguete ou quando tem trovoadas com chuva forte! e quando andamos de carro e liga o limpador começa a se tremer mas so nessas horas isso sera que é medo mesmo? ela tem todas as vacinas em dia e reforços também ,come super bem também e brinca direto e faz xixi e defeca normal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      excetuando-se problemas de saúde, geralmente os cães podem apresentar algum medo em relação a foguetes ou trovoadas. Nós escrevemos um artigo sobre isso:

      http://www.adestramento-para-caes.com/2013/07/adestramento-de-caes-medo-de-fogos-de.html

      Dê uma olhadinha, nós explicamos como ocorre esse processo e o que fazer para diminuir o medo e o susto provocado pelo barulho intenso.

      Boa Sorte!

      Excluir
  28. Meu cachorro treme a pata esquerda o tempo todo, levei ao veterinário e ele suspeita de cinomose, mas não foi comprovado por exame. Ele permanece com todos os hábitos normais, sem mais nenhum sintoma desta doença, não pode ser outra coisa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      o veterinário pode dar a última palavra, por ser o profissional que examinou seu cachorro. Se for cinomose, é possível que ele tenha os sintomas que descrevemos neste artigo aqui:

      http://www.adestramento-para-caes.com/2013/06/cinomose-como-evitar-como-tratar.html

      Veja se ele está doente, e se a pata treme por causa disso. Preste atenção em vômitos, diarreias, falta de apetite, tristeza e apatia.

      Boa Sorte!

      Excluir
  29. Muito obrigado, foi de grande valia a ajuda e meu amigo já está melhor!

    ResponderExcluir
  30. Olá, tenho uma cadela daschund 2 anos e meio, ela eh bem ativa e brincalhona, acontece que ela de repente começou a andar curvada, rabo entre as pernas, tremendo e não quer comer nem passear(coisa q ela adora). A coloração dos olhos, gengivas e língua estão normais, xixi e coco tbm de aspectos normais. As suas vacinas estão em dia, menos a giárdia e a tosse dos canis. Na sua última consulta, a uns 4 meses a veterinária falou de uma otite, mas fora isso estava tudo bem com ela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      todo dono deve verificar com bastante atenção o cachorro que modifica sua postura e seus hábitos. Um cão que não quer mais passear ou se alimentar repentinamente tem que estar vivenciando algum tipo de problema.

      Daschunds são cães muito elétricos, dificilmente permanecendo apáticos se estiverem saudáveis.

      Você deve monitorá-la para ver se alguns desses incidentes podem estar acontecendo:

      1 - se ela sofreu algum tipo de ameaça, de outros animais ou pessoas. Às vezes alguns vizinhos podem ameaçar os animais por causa de barulho, por exemplo. Outras vezes os outros animais da casa podem estar atacando o cachorro menor quando estão sozinhos. Veja se isso acontece.

      2 - veja se ela está apresentando febre. O cachorro que fica apático repentinamente pode estar febril.

      3 - Pressione delicadamente a barriga dela. Às vezes os cães ingerem plástico, isopor e tecido, por exemplo, sem que vejamos. E isso deixá-los estufados e com o intestino preso.

      4 - Por fim, verifique a possibilidade da Cinomose e Parvovirose. Os sintomas se parecem, e podem incluir apatia, febre e perda de apetite. Continue monitorando o xixi e o cocô, e não deixe seu cachorro ficar muito tempo sem se alimentar.

      Boa Sorte!

      Excluir
  31. Meu cachorro, um schnauzer, vem apresentando tremedeiras quando usamos aquelas raquetes elétricas de matar mosquitos. Quando a raquete estala ele começa a se tremer, sendo que não é constante, treme e para, treme e para. Ele já vomitou depois que começou a trermer(tinha comido a pouco tempo). Tem 6 anos e seu cocô, pupilas e urinas não mostraram nada de diferente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      por incrível que pareça esse é um comportamento muito natural do cachorro. Muitos animais tremem de medo dessas raquetes, principalmente quando elas estalam. O simples fato de ver você com a raquete na mão já é um susto para ele.

      Às vezes acontece dele ter sido atingido por ela, sem querer ou por brincadeira de outra pessoa. Mas mesmo que isso não tenha acontecido, ainda assim os cães podem desenvolver medo do artefato.

      Não há nada de anormal nesse comportamento. Cães e gatos demonstram receio da raquete. Se quiser iniciar um treino de dessensibilização, isto é, acostumá-lo com ela, faça assim:

      Deixe a raquete em algum local, parada. Aproxime-se e brinque com ele, ou lhe dê petiscos, próximo da raquete. Cada vez chegue mais perto. O próximo nível é você brincar com ele ou lhe dar petiscos com a raquete no colo. Aos poucos vá habituando a que ele fique perto. Quando ele já estiver bem habituado, ligue a raquete e continue lhe dando petiscos. Se ainda se assustar, continue acostumando-o. Mas no início, o treino deve ser bem sensível, ou você correrá o risco de assustá-lo ainda mais.

      Boa Sorte!

      Excluir
  32. Boa noite,
    tenho uma poodle de 14 anos e de um bom tempo pra cá ela não anda direito, anda com dificuldades, está cega de uma vista e a outra enxerga pouco, perde a noção de onde está e fica perdida olhando pra parede choramingando como se estivesse pedindo ajuda para sair dali, não está sentindo mais o cheiro das coisas direito, passa a maior parte do tempo dormindo, só faz festa com dificuldade quando me sente perto dela, e de uns dias pra cá tenho notado que ela está tremendo, eu sei que é da idade o veterinário já tinha me falado algumas coisas a um tempo atrás, li na internet que ela pode estar com alzheimer, pode ser mesmo? estou muito preocupada por que não sei se está com dor, se está chegando a hora dela ou se é tb da idade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      pelo que você descreve, é muito provável que seja da idade. O cachorro idoso pode estar perdendo um pouco do tônus muscular, dessa forma dificultando bastante sua movimentação. Além disso, ao perder a visão de um dos olhos, ela não tem muita certeza na direção em que se movimenta, o que a faz ficar indecisa e trêmula. Não é possível avaliar se ela está ou não com alzheimer. Isso apenas um exame específico é capaz de descobrir. Também não é possível dizer se ela está chegando na hora de partir. Mas tremer é comum e natural em cães idosos. Você não poderá fazer nada com relação a isso.

      No entanto, pode fazer algumas coisas que estão ao seu alcance, e que refletem no bem estar dela.

      1) Veja a possibilidade de colocar uma bolsa de água quente na sua caminha, e enrole um cobertor em volta dela.
      2) Se ela se aproxima da parede e parece perdida, coloque uma banqueta, um puf ou até mesmo uma caixa de papelão no caminho, para que ela não se aproxime tanto assim desse lugar.
      3) invista em um abajur barato (desses de loja de 1,99) e o coloque próximo à caminha dela, para que ela consiga voltar mais facilmente quando se afasta.
      4) Cuidado com degraus e escadas. Cachorros da raça poodle são corajosos demais, e ela não vai aceitar ficar esperando a hora chegar, ela vai continuar fazendo as mesmas coisas, sem medo, e isso pode resultar em ferimentos ou contusões graves. Verifique isso.

      Com relação aos tremores, aprenda a aceitar e faça o possível para que ela tenha conforto durante o tempo que vai dispor.

      Boa Sorte

      Excluir
  33. Olá, minha cadelinha é SRD, ela vai fazer um mês apenas dia 2 de dezembro, tive de adota-lá mais cedo, antes de desmamar pois a mãe dela estava desnutrida por conta da enorme quantidade de filhotes que teve. No início dei a papinha de desmame e até aí ocorreu tudo bem.. Quando foi ontem, ela começou a rejeitar a tal papinha e apresentou vomito e diarreia. Compramos medicamento para o intestino/infecções e demos a ela, logo mais ela teve uma crise de soluço, que não durou mt tempo, apenas alguns minutinhos. Quando ela se apresentou melhor, demos papinha de criança para ela, pois foi indicado por ter menos conservantes. Até aí tudo bem, a diarreia passou, o vomito também.. ai veio um problema diferente, ela apresentou tremedeira após comer. E agora toda vez que ela come ela treme, já fez 4 refeições após isso, e em todas tremeu nem que fosse um pouquinho só. Estamos estremamente preocupados com ela, pois ela chegou a tão pouco tempo em casa e já se tornou um xodo para todos! O que pode ser???

    ResponderExcluir
  34. Ola
    Meu cachorro é uma mistura de pinscher com terrier brasileiro de apenas 1 aninho
    Ele sempre foi muito carinhoso e grudado comigo e minha familia
    Mas de uns tempo pra ca,ele comecou a ficar muito arisco e tremendo bastante (msm no calor).
    Ele come sua raçao normalmente,e quanto suas necessidades também.
    Poderia me ajudar ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, sua primeira atitude deve ser verificar se a saúde do cachorrinho está boa. Se o animal encontra-se saudável, você deve pensar em outras situações.

      O cachorro que muda bruscamente de comportamento pode ter sido assustado por outras pessoas ou outros animais mais hostis. Às vezes, durante o passeio, o cachorrinho pode ter sofrido ameaças sem que o dono tenha percebido. Isso modifica seu comportamento.

      Outra coisa que deve ser percebida é que cães de porte pequeno têm a tendência a tremer o tempo todo. Isso é normal para eles, eles sempre têm frio ou estão ansiosos com alguma coisa. Verifique se não é o comportamento natural dele.

      Tenha em mente que a saúde do cachorro deve ser sua primeira preocupação. Veja se as vacinas estão em dia, e se a alimentação dele é a correta.

      Boa sorte!

      Excluir
  35. ola, minha cachorrinha desde que chegou treme, algumas vezes, quando dorme, mas ela treme como se tivesse espasmos por todo o corpo e geme como se estivesse com dificuldade para respirar ou com muita dor, alem do fate de que seus olhos ficam em branco. oque posso fazer? levei a um veterinario amigo de familia, expliquei o que aconteceu, mas ele nao soube me dizer oque era. obrigada pela atencao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      às vezes, ao tremer, o cachorro mais novinho pode estar demonstrando uma possível complicação relacionada à epilepsia. Casos em que cães novinhos sofrem de convulsões estão se tornando bastante comum, muitas vezes por causa do cruzamento interfamiliar, ou seja, o cruzamento entre parentes.

      Caso se confirme uma situação de epilepsia/convulsões, o cachorrinho deve passar por um tratamento orientado por anticonvulsivos, à critério do veterinário.

      Saliento que essa possibilidade é sugerida pelo quadro que você descreveu, de tremores, espasmos, olhos brancos (ou seja, revirados) e falta de ar ou perda de fôlego depois do episódio. O profissional, ao avaliar seu cachorrinho, terá melhores condições de dar um diagnóstico correto.

      Caso a situação clínica do seu cachorro seja essa que descrevemos, saiba que ele pode desfrutar de uma boa qualidade de vida, se medicado corretamente. Ele pode aproveitar a companhia da família e ser muito feliz sem prejuízo algum.

      Mas você tem que ter certeza do diagnóstico. Muitas vezes o cachorro apenas está tremendo durante o sono por estar sonhando, por exemplo, e os donos ficam assustados por causa disso. Os olhos revirados podem significar apenas um estágio profundo de sono, se ocorrem quando ele está dormindo. Por isso a opinião do especialista é fundamental. Nada mais desaconselhável do que medicar o cachorro sem que ele tenha alguma enfermidade.

      Verifique essa situação e se certifique como e quando ocorrem esses episódios, afastando a hipótese de ser apenas tremores durante o sono.

      Boa Sorte!

      Excluir
  36. Boa noite meu pastor alemão filhote as vezes quando pegamos ele no colo ele geme um pouco isso ê normal as vezes vou ver ele na caminha ele está tremendo ele só tem 47 dias de vd isso ê normal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      nessa idade é bastante normal o filhotinho tremer o tempo todo, principalmente quando está dormindo. As causas podem ser uma ou mais das seguintes hipóteses:

      - Ansiedade. Como foi apartado da mãe muito cedo, o cachorrinho fica ansioso quanto ao que o espera no novo lar. Ele fica em expectativa para saber se vai ser bem tratado, se vai ter suas necessidades satisfeitas, se vai receber carinho, etc.
      - Medo. Ao ir pra cama sozinho, sem o conforto da família e da mãe, ele sente medo e treme o corpinho por puro instinto.
      - Frio. Nessa idade, mesmo que a temperatura esteja alta, o cachorro ainda não consegue se aquecer o suficiente. Ele pode sentir um pouco de frio, principalmente à noite, pois o organismo ainda não produz calor.
      - Pesadelos ou sonhos. Ao dormir, o cachorro pode sonhar com o que fez durante o dia e tremer, principalmente as patinhas e orelhas. Ele pode também tentar latir ou chorar, dependendo com o que esteja sonhando.

      Essas situações podem ser consideradas normais. O que você deve ter em mente é a qualidade da sua saúde. Se ele estiver saudável, o tremor passa assim que ele adquirir mais idade.

      Boa Sorte!

      Excluir
  37. Olá, th um schinauzer de dois meses e ele treme s boquinha qd e as patinhas qd está sentado e correndo, mas come normal e é muito ativo, fezes normal, o q pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      os filhotes, principalmente de porte pequeno ou médio, podem tremer mais constantemente do que animais maiores e adultos.

      Isso acontece porque os cachorrinhos são sensíveis quando filhotes, diferentemente de um labrador, um golden ou um pastor alemão, que já são fortes quando pequenos.

      Além disso, filhotes de cães menores são naturalmente mais "nervosos" e ansiosos do que os outros. Eles estão sempre em expectativa, observando o dono, tentando adivinhar pra onde você vai ir, o que vai fazer, para poder acompanhar.

      A única coisa realmente necessária é verificar se a saúde do animalzinho está em dia, caso você esteja desconfiada de alguma moléstia. Mas se ele demonstra uma situação normal, se está se alimentando normalmente, se as fezes estão com boa aparência, se ele dorme tranquilo, se bebe água com regularidade, se não geme e não chora aparentemente sem motivos, o que pode estar acontecendo é simplesmente tremores naturais em cães pequenos ou médios.

      Por último, procure verificar a temperatura dele, para afastar possibilidades de febre.

      Esses são os cuidados que devemos ter com o filhote sempre que ele se comporta de uma forma diferente do que esperávamos.

      Boa Sorte!

      Excluir
  38. Olá! Tenho uma Maltês de 7 anos , de um dia para o outro ela ficou estranha , quando pego ela no colo em determinada posição ela grita e está tremendo quando fica deitada , já fez exame de sangue , já levei no veterinário , n descobrimos o que é, levarei para tirar rx e fazer exame de urina , mas notei que ela n consegue ficar esticada , sobe com dificuldade , mas coco, xixi, bebe e come normalmente ... Estou preocupada , o que pode ser ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, sua descrição parece fechar com diagnósticos de displasia, problemas nas articulações ou coluna. O raio x deve comprovar algum transtorno nesse sentido.

      Nessa idade é possível que o cachorro sofra com desgastes, principalmente se teve uma vida bastante ativa. Também é necessário observar a carência de substâncias e nutrientes na sua dieta, caso ela não os esteja mais produzindo ou absorvendo na alimentação.

      Você deve prestar atenção, todavia, nestes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Se ela tiver algum desses sintomas, há a possibilidade de estar doente. Mas se você fez exame de sangue nela, e visitou um profissional, ele deve ter afastado essa hipótese.

      Portanto, aguarde o resultado do raio x, que deve comprovar alguma lesão ou alteração em ossos, articulações ou coluna, e inicie logo o tratamento.

      Boa Sorte!

      Excluir
  39. ola
    minha cadelinha esta se tremendo muito e vomitando frequentemente e tem um pouco de espuma junto
    tbm reparei que ela esta com dificuldades de fazer as fezes dla
    sabe me dizer o que ela tem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. em primeiro lugar você tem que verificar se todas as vacinas e desverminação estão em dia. Algumas parasitoses podem causar esse tipo de situação ao cachorrinho. Além disso, Parvovirose, Cinomose e até mesmo Raiva podem ser responsáveis por sintomas como este que você descreveu.

      Esteja atento para esses outros sintomas:
      - urina com sangue,
      - espuma na boca,
      - paralisia geral ou em alguns membros,
      - olhos vidrados,
      - impossibilidade de mover a cabeça,
      - corpo totalmente endurecido,
      - febre.

      Você não informa a idade do seu cachorrinho. Se for filhote, a situação pode ser grave, porque nem sempre todas as vacinas estão completas. Se for idoso, a imunidade pode estar baixa, fazendo com que ele corra riscos.

      É muito importante verificar e observar o comportamento do seu animal de estimação, antes que haja uma piora no quadro. Vômito é um indício forte para o cão. Geralmente tem origem em substâncias ingeridas ou manifestam a possibilidade de doenças graves. Caso persista o quadro, procure um especialista.

      Boa Sorte!

      Excluir
  40. ola ,minha cadela é de porte pequeno e esta gravida mais nao faz muitos dias e ela treme constantemente, oque poderia ser ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      muitos cães de porte pequeno tremem aleatoriamente, sem que haja uma causa específica. Cachorros pequenos podem ter um pouco mais de dificuldade em manter a temperatura corporal, mesmo durante o verão.

      Outra coisa que é percebida em cães pequenos é sua natural ansiedade. Eles podem tremer por pura antecipação de fatos, como a antecipação do passeio, da ração ou da presença do dono.

      Sua cadela pode estar tremendo por causa da antecipação do parto, ou pelos motivos que informamos. É muito importante verificar a vacinação, para que esteja em dia, e a desverminação. Se ela não tem outros sintomas além desse tremor, não há nada a se preocupar.

      Boa Sorte!

      Excluir
  41. Olá,
    Tenho um pitbull de 2 meses, ele está com a perninha de trás tremendo, está com o corpinho quente.. Consegue ficar em pé, mas não se mexe.. O que pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      geralmente o filhote irá tremer porque a temperatura do corpo dele é diferente da temperatura do corpo do adulto. Você deve verificar primeiro se o cãozinho está com febre.

      Além disso, observe estes sintomas:

      - urina com sangue,
      - diarreia
      - paralisia geral ou em alguns membros,
      - impossibilidade de mover a cabeça,
      - corpo totalmente endurecido,

      Algumas das doenças mais perigosas que atacam o cachorro podem apresentar um ou mais desses sintomas. Com dois meses ele ainda não foi totalmente imunizado. Evite levá-lo para a rua ou expô-lo a outros animais.

      Se ele for saudável, a tremedeira pode ser apenas um detalhe de comportamento, e não será preciso preocupações. Mas fique atento à presença de outros sintomas.

      Boa Sorte!

      Excluir
  42. Olá....
    Tenho um lhasa de 8 meses...a irmãzinha dele morreu a 1 mês não sabemos do que...15 dias depois ele vomitou e começou a ficar muito triste imediatamente levamos no veterinário w fez exame pra dectar doenças mas como era muito no início não tivemos certeza do que realmente era e a veterinária indicou antibiótico vitamina ..plasil e buscopam....ele sarou ficou muito bem....dia 23/12 levei ele ao pet pra tozar e a moça disse a ele ficou muito agitado ...no dia seguinte
    na noite de natal eu sai e deixei ele casa com a mae dele que tem q tem 11 anos..sempre ficavam muito juntos..brincavam..
    Mas desde então ele está muito assustado treme o tempo todo ..está comendo ..toma água ...obedece com receio quando eu chamo...mas qualquer movimento brusco ele chora..corre...e treme...
    O q será isso?
    Sei q o lhasa não pode Tosar todo seu pelo mas meu noivo esqueceu de pedir toda nebr eoca tosou ele inteiro....não tem febre...me ajude...obrigsdo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      a tremedeira no cachorro, juntamente com os seguintes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Pode significar algumas das doenças mais perigosas às quais o cachorro pode ficar exposto, como raiva, cinomose e parvovirose. Quando um dos cães morre por causas ignoradas, aquele trecho todo deve ficar em quarentena. Da mesma forma, o cachorro doente não deve se aproximar dos cães saudáveis.

      Felizmente você o levou ao veterinário e ele pode ser diagnosticado e curado. Se ele não tem nenhum daqueles sintomas que descrevi, você já pode ficar aliviada.

      Com relação às atitudes do cachorro, tenha em mente que sempre que um animal muda de forma brusca seu comportamento, é porque algo aconteceu. Cães e gatos adoram a rotina. Gostam de fazer tudo da mesma forma. Ele, pelo que você está descrevendo, parece ter sofrido algum trauma, possivelmente no pet shop onde foi tosado.

      Muitas vezes os animais sofrem nesses locais e o dono não fica sabendo. E não significa necessariamente que os profissionais o maltrataram. Pode ter sido outro animal que o provocou ou agrediu, por exemplo, ou o susto provocado pelos equipamentos ou a situação nova.

      Nessa idade é importantíssimo ter todas as vacinas em dia, além da desverminação. Como aparentemente a saúde não foi alterada, você deve se concentrar em trazer de novo ele para o convívio. Até porque pode estar sentindo falta da irmã.

      Comece chamando-o e o recompensando. Evite passear na rua durante muito tempo com ele. Tenha sua cama em local sossegado e calmo. Use de paciência e converse calmamente, acariciando-o e tentando fazê-lo sentir-se mais seguro. Evite ralhar com ele e espere um pouco antes de iniciar treinos de obediência ou comportamentais.

      Esse deve ser seu programa de adestramento durante o período.

      Boa Sorte!

      Excluir
  43. Olá minha cachorra ja teve várias quedas, e em uma delas ela bateu a cabeça, parecia estar morta, levamos ao veterinário ele receitou vários remédios e etc, ela voltou ao normal, isso faz um tempo já! No entanto hoje ela começou a ficar do mesmo jeito de quando ela bateu a cabeça, ficando dura e tremendo ! Do mesmo jeitinho, a mesma cena de quando ela caiu, como se estivesse morrendo. O que pode ser ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      seria muito importante saber quais os remédios que o veterinário receitou para sua cachorra. Podem ser anticonvulsivos, por exemplo. A queda pode comprometer a integridade do cérebro a longo prazo. O comportamento que você descreve parece significar um quadro de convulsões, talvez causado pela queda.

      Problemas neurológicos são complexos e devem ser observados por um profissional, que dispõe de recursos para efetuar uma análise precisa.

      Descreva esses sintomas para o veterinário e pergunte sobre problemas neurológicos, especialmente sobre epilepsia, e veja se ele recomenda testes e exames apropriados. É muito importante que você receba um diagnóstico preciso para começar logo o tratamento.

      Boa Sorte!

      Excluir
  44. Boa noite ! Estou com um hospedezinho aqui em casa há 02 dias. É um yorkshire macho de 02 anos. Ele treme o tempo todo. No início achei que fosse empolgação pela minha filha, pois ele adora ela. Quando minha filha vai à casa da prima, que é a dona, o cachorronho não quer saber de mais ninguém. Nesse momento ele está totalmente tosado, então minha filha acha que é frio que ele sente o tempo todo, porém eu acho muito estranho, pois nesse momento, ele está comigo na cama e totalmente envolvido pelo edredon. Perguntei o que os donos acham disso e segundo ela,já se acostumaram e não têm o hábito de levar o cachorrinho ao veterinário. Ey possível que seja frio ? Ele come, come, bebe e faz as necessidades regularmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      é muito importante você observar seu quadro geral. Ao final da sua pergunta você informa que ele come, bebe e faz as necessidades. Isso é importante.

      Em geral, cães demonstram através da falta de apetite, da falta de sede e através das fezes e da urina problemas de saúde. Ao monitorar isso você já deu um grande passo.

      Cães de pequeno porte têm o hábito de tremer, independente da época do ano ou da temperatura. Eles são mais agitados e nervosos. O tremor pode estar ligado à ansiedade, vista como natural nesses cães.

      Observe sempre sua temperatura, o apetite e as necessidades. Se tudo estiver correto, se ele estiver desverminado e vacinado, encare isso como normal.

      Boa Sorte!

      Excluir
  45. Minha pit tem em torno de 7 a 8 anos. Estava sem comer portanto voltou a comer e beber agua normal,não vomita,xixi normal,coco normal...a minha preocupação e que ela está com as patas traseiras tremendo qnd fica em pe,dando a sensação q as pernas esta meia dura,tem tb dificuldade em subir escada...o q pode ser? Ando preocupada demais. O q posso fazer para ajudar ela? Me ajudem por favor!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Nessa idade a tremedeira no cachorro pode ser algo esperado. Depende, também, da saúde geral do seu cão. Você deve observar com atenção os seguintes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Isso pode significar algumas das doenças mais perigosas às quais o cachorro pode ficar exposto, como raiva, cinomose e parvovirose ou leishmaniose.

      Nessa idade é importantíssimo ter todas as vacinas em dia, além da desverminação. Com a idade, o cachorro pode começar a ter uma queda de imunidade, ficando mais exposto.

      Se seu cachorrinho não tem os sintomas que citamos, se está com vacinas em dia, pense em observar outras coisas, como o local onde dorme. Não pode haver muita umidade e nem ficar em contato direto com o chão. Isso pode causar vários incômodos ao animal, como dores nas articulações e "perna dura".

      Observe essas situações e o monitore.

      Boa Sorte!

      Excluir
  46. Olá tenho um shih tzu de 5 meses,e as vezes ele treme a boca várias vezes em seguida e espuma de leve,oq pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      você tem que monitorar outras atitudes do seu cachorro, como:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Com 5 meses você tem que ver se as vacinas necessárias já foram dadas a ele. Tem que ter certeza de já tê-lo desverminado. Além disso, seu cachorro não pode sair à rua antes de completado o ciclo de vacinas obrigatórias.

      Espuma na boca após tremer pode estar relacionada com vários tipos de situações, até mesmo problemas gástricos. É importante você visitar um veterinário, pois existem condições que devem ser corrigidas o mais cedo possível, antes que se agravem.

      Boa Sorte!

      Excluir
  47. Tenjo um shitzude 4 anos e percebi que ele as vezes fice tremendo as patinhas traseiras e ainda morde o traseiro... O que pode ser isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      você pode começar verificando se ele foi desverminado recentemente. Quando o cão morde o traseiro ele pode estar sinalizando um desconforto causado por parasitas. Às vezes não se trata de infestação por vermes, mas pode ser carrapato, pulgas, sarna, ácaros, etc. Veja isso com urgência.

      Com relação à tremedeira, verifique se ela ocorre antes ou logo depois de começar a morder o traseiro. Existem coceiras causadas por fungos, dermatite e outros problemas de pele que causam irritação no animal, e o fazem tremer antes de começar a se coçar.

      Boa Sorte!

      Excluir
  48. boa tarde, tenho uma vira-lata de 2 anos, e há dois dias ela não come, e fica deitada o tempo todo... o corpo as vezes fica tremendo, mas ela não está vomitando e nem fazendo cocô....os olhos estão remelando e ela está muito triste, me ajuda por favor.... não consegui levar ela em um veterinário por condições financeiras...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Nós sempre alertamos que quando ocorre uma grande modificação no comportamento do cachorro, como ficar deitado o tempo todo (apatia), falta de apetite, etc., é porque o animal adquiriu alguma condição de saúde, e está sinalizando isso.

      É muito importante observar estes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Olhos lacrimejando podem significar febre. A apatia pode também estar relacionada à febre, que causa, entre outras coisas, falta de apetite.

      Existem diversas doenças que podem estar relacionadas a esses sintomas. Seria necessário fazer um exame de sangue para detectar cinomose, parvovirose, leishmaniose ou até mesmo raiva, entre outras doenças.

      Você deve verificar se existe um plantão veterinário municipal que atenda animais com baixo custo ou até mesmo de graça. Enquanto isso, alimente-o com caldo de carne e caldo de arroz (sem temperos). Coloque em uma seringa e injete pela lateral da boca, para que seu cão não engasgue. Isso vai hidratá-lo e alimentá-lo até você conseguir levá-lo a um profissional.

      Por via das dúvidas, monitore se ele apresenta medo da luz (luz do sol, por exemplo), se está salivando espuma e se apresenta o corpo rígido e endurecido. Isso pode ser sinal de hidrofobia. Nesse caso é melhor manter distância até ter um diagnóstico preciso.

      Abraços!

      Excluir
  49. Olá!
    Por favor me ajude!!
    Hoje fui a praia e levei meu chihuahua , que irá completar 3 anos no dia 15 deste mês.
    Levei a comidinha dele, água mineral e petiscos.
    Chegando lá ele comeu frango desfiado do meu sanduiche que eu mesma fiz, pois ele nao quiz comer a comida dele, e comeu 3 petiscos daqueles em forma de coração. Bebeu um pouco de água. Estava normal, ficou na sombra debaixo da barraca comigo, e não estava tão quente, pois ventava muito.
    Quando chegamos em casa, notei que ele ficou com um aspecto de cansado. Não quiz comer ração, beliscou novamente uns pedacinhos de frango, bem pouco.
    E desde então ele está se tremento de mais. Ele se levanta, dar dois ou três passinhos e deita novamente.
    Estou preocupada, dei a ele 5ml de soro caseiro, para hidratar um pouco, pois ele nao quer comer.
    Oq pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Estes são os sintomas aos quais devemos sempre prestar atenção:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Seu cachorro apresenta dois desses sintomas, ou seja, apatia e falta de apetite. Isso pode ter diversas causas, desde doenças graves até mesmo uma simples virose adquirida na praia.

      Monitore seu comportamento e, principalmente, veja sua temperatura. A febre é mais um indicador de que algo está anormal. Febre combinada com apatia e falta de apetite deve fazer soar o sinal amarelo. Fique de prontidão. Se puder, leve-o a um veterinário, para que ele possa fazer uma avaliação através de exames de sangue.

      A beira da praia favorece o aparecimento de viroses, pois há muitos cães perambulando por ali. Esteja certa de que seu cachorro está com as vacinas em dia. Isso é muito importante se você for levá-lo ao litoral. A praia é um ótimo local para um cachorro adoecer gravemente, se não estiver bem imunizado.

      Um profissional pode verificar a pressão e realizar diversos exames. No seu caso, parece bem provável que seu cachorro tenha adquirido uma simples virose, mas é muito importante levá-lo ao veterinário para se certificar de que não seja algo mais grave. Afinal, seu cachorro apresenta dois dos sintomas que listamos. Não deixe aparecer um terceiro.

      Boa Sorte e nos mantenha informados!

      Excluir
  50. Olá, tenho um cachorro srd que tirei da rua, ele tem aproximadamente 2 anos e é de porte médio. De vez em quando, ele começa a tremer e a ficar ofegante, procura algum canto pra se esconder e continua tremendo e ofegante por algum tempo.

    Primeiro pensamos que era medo por algum barulho, mas nem sempre ouvimos alguma coisa antes dele ficar assim.

    Ele come bem, brinca e corre normalmente quando volta ao normal...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      pelo que você explica, é possível que seu cachorro tenha alguma condição congênita respiratória. Pode ser que ele sofra de asma. Veja estes sintomas:

      1) Ele desperta pela manhã muito congestionado nas mucosidades.
      2) Cães com asma sentem muito cansaço e parecem estar sempre ofegantes, pois há dificuldade de circulação de oxigênio no seu organismo.
      3) Asma pode causar falta de apetite.

      Existem outras condições que fazem cães ficarem ofegantes, como alterações cardíacas. Lógico que tudo isso deve ser verificado por um profissional. Se você notar que essas situações se repetem com muita frequência e que o cachorro está demorando cada vez mais para voltar ao normal, fique atento e procure ajuda especializada.

      Boa Sorte!

      Excluir
  51. boa tarde Joel, muito obrigado pela pronta ajuda...
    levamos minha cachorrinha no hospital veterinário do tatuapé, lá ela colheu exames de sangue e foi medicada... o resultado do exame ficará pronto somente na terça feira, a doutora acredita na possibilidade de ser uma inflamação no fígado, receitou dipirona no caso de febre e omeprazol canino durante 10 dias...
    ela mesmo medicada continua na mesma, estou pedindo á Deus que ela resista até os exames ficarem prontos...
    muito obrigado mesmo pelas orientações, boa sorte e muito sucesso!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá

      Que bom que foi possível obter ajuda. Com os exames em mãos o veterinário poderá encontrar um tratamento adequado para ela. É muito importante monitorá-la até estar fora de risco.

      Boa Sorte pra você!

      Excluir
  52. Olá ! Muito interessante este artigo !
    Tenho uma poodle toy com 4 anos e desde a semana passada ela pede colo desesperadamente e treme imenso. Mas isto só acontece quando está na cozinha ou no escritório ou sempre que vê um dos donos a ir para estas divisões. Está super habituada a esta casa. É muito activa muito brincalhona, achei este tremor muito anormal a ela pois nunca teve qualquer comportamento destes. Poderia ter se assustado ? O que posso fazer para ajudar ela passar o trauma e o medo ?
    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      devemos sempre ficar alertas quando ocorre uma mudança brusca no comportamento do cachorro. Vamos ver alguns motivos para que isso pudesse ter ocorrido, no caso de ter sido um susto.

      - pessoas que tenham ralhado ou gritado com ela;
      - adição de uma criança ou adulto ao núcleo familiar;
      - outros cães que tenham brigado ou ameaçado;
      - outros animais hostis;
      - insetos como aranhas, abelhas, formigas que tenham picado o cachorro;
      - ruídos altos e súbitos;
      - alteração rápida de rotina;
      - mudança de local de convivência;

      Esses costumam ser incidentes que fazem o cachorro demonstrar estresse ou medo. Além disso, monitore a saúde do cachorro, e também vacinas e vermífugos.

      Pelo que você descreve, e partindo do suposto que ela esteja vacinada e desverminada e, portanto, com boa saúde, ela parece estar sofrendo de ansiedade, pois procura seguir os donos quando estes saem de perto, como se estivesse com medo de ser abandonada. Confirmando-se isso, toda a rotina deve ser alterada com o intuito de fazê-la readquirir a confiança de que não vai ser deixada para trás.

      Neste artigo aqui ensinamos o cachorro a ser mais independente.
      http://www.adestramento-para-caes.com/2013/05/o-adestrador-de-caes-quando-o-cachorro.html

      Organize-se para demonstrar a ela que não vai ser abandonada. Além disso, estabeleça um plano de adestramento que funcione desta forma:

      - Treino de obediência: ensine-a a ficar sentada ou deitada e vá se afastando lentamente. A cada dia, obrigue-a a ficar no lugar enquanto você se afasta mais um pouquinho. Estabeleça um tempo mínimo em que ela deva ficar na mesma posição; depois a chame e a recompense. Esse treino serve para diminuir a ansiedade do cachorro, pois o ensina que mesmo que o dono não esteja visível, e esteja distante, ele vai acabar chamando o cachorro para ser recompensado.

      Boa Sorte!

      Excluir
  53. Olá! Bom dia!

    Tenho uma maltês de 5 anos. Ela é super alegre e agitada.
    Semana passada ela passou mal, teve vomito e diarreia. Levei-a ao veterinário, que através do hemograma concluiu que ela estava com o verme giárdia. A tratei com medicamentos para tal verminose.
    Mas desde que voltou, percebi que ela está muito triste! E agora também tem dificuldades de levantar a cabeça, pois seu pescoço e cabeça começam a tremer muito.
    O andar dela está um pouco estranho também, parece que tem uma leve dificuldade motora nas patas da frente.

    Agora ela só vive deitada, e quando a chamo para ficar em pé ou com a cabeça levantada, ela quer deitar o mais rápido possível.

    Falei sobre esse comportamento com minha veterinária, mas a mesma não deu nenhum parecer.

    No exame de sangue está tudo ok.

    Mas estou MUITO preocupada com ela. Sei que tem algo errado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      a boa notícia é que sua cachorrinha conseguiu vencer a giárdia. Esse é um problema sério que, se não tratado a tempo, pode comprometer permanentemente a saúde e a mobilidade do seu cachorrinho.

      A veterinária se concentrou na eliminação do agente através de antibióticos vermicidas. Esse tratamento destrói tanto a giárdia quanto os ovos que ela deposita na corrente sanguínea. O problema é que destrói as bactérias boas que o animal carrega no seu organismo, e que o protegem de outras doenças.

      Você deve ter algum cuidado com sua cachorrinha no que se refere a passeios e alimentação, monitorando sempre, pelos próximos meses, os locais em que ela brinca, dorme e passeia, além de verificar se a alimentação que está dando é a correta. Pesquise sobre reforço alimentar para cães em fase de convalescença.

      Com relação à fraqueza muscular (que dificulta levantar a cabeça, endireitar o pescoço, etc.) você deve ter um pouco de paciência com o fato dela ter passado por um problema grave e ainda não ter recobrado todas as forças.

      No entanto, é você quem conhece melhor seu cachorro, e se acha que algo está errado, deve solicitar novos exames para comprovar que a verminose foi realmente erradicada do seu organismo. Além disso, pelo fato dela estar com a imunidade baixa, deve verificar se não adquiriu outra doença oportunista, o que é bem comum em animais e pessoas que se encontram enfraquecidos.

      Boa Sorte!

      Excluir
  54. Bom dia, tenho um cachorro lhasa de 3 meses depois de tomar a vacina v10, se passando duas semanas ele apresentou um problema. ..do nada começou a tremer a cabeça fica tonto e perder os movimentos da patas traseiras sem forças pra se levantar, ,, dair uns 3 minutos depois parece q nada aconteceu,será que está relacionado a vacina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      reações à vacina podem acontecer às vezes, principalmente se o cachorro é filhote. Você deve monitorar que tipo de reação seu cachorrinho pode ter adquirido. No entanto, os sintomas que você relatou não se parecem com os sintomas conhecidos de reações a vacinas.

      Normalmente o cachorro vai ficar abatido ou perder o apetite ou, ainda, ter alguma febre.

      O que parece acontecer com seu cachorrinho é a tremedeira normal dos cães de pequeno porte. Ele tem surtos de tremedeira e depois passa. Nessa idade ele pode se tremer e perder o equilíbrio, pois ainda não tem domínio completo.

      Monitore sempre a saúde do seu animal e esteja consciente sobre o que ele está sentindo, pois as reações à vacina podem ser graves, quando acontecem realmente.

      Boa Sorte!

      Excluir
    2. Boa noite.
      Obrigado pela dica, com certeza isso vai me ajudar muito. ....

      Excluir
  55. Ola,minha cadela da raça pintcher de 10 mês esta um pouco triste e com o queixo tremento, também notei que tem ancia de vômito. Oque sera que pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, você deve monitorar estes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Às vezes o cachorro tem ânsia de vômito por vários motivos. Mas o sintoma acompanhado de outros pode ser algo perigoso.

      Monitore isso.

      Boa Sorte!

      Excluir
  56. Boa noite, meu cachorro lhasa do nada começou a tremer e vira os olhos e perder os movimentos das patas traseiras, tudo começou depois que tomou a vacina v10, isso pode tá relacionado ou não,.

    ResponderExcluir
  57. Olá boa noite!!!
    Tenho um cachorrinho de 2 anos 6 da raça pintcher e um certo dia ele ficou doente levei para o veterinário e foi medicado e ficou curado. Porém ele adquiriu um treme treme e começou na cabeça e de ins dias para cá esse treme treme aumentou a boquinha dele fica tremendo junto com a cabeça fica abrindo pouco e o pescoço dele também fica tremendo e ele fica andando a casa toda não quer brincar mas e não obedece quando eu o chamo.
    Ele só vive dentro de casa não fica no quintal.
    Está comendo bebendo água normalmente cocô e xixi normais.
    Ele também fica gemendo as vezes quando coloco ele no colo ele fica inquieto de repente.
    Por favor me ajude pois ele é muito importante para nós.
    Estou com medo dele morrer pois vejo que esse treme treme piorou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      pela experiência que temos, os cães de pequeno porte, e o pincher principalmente, têm o costume de tremer o tempo todo. Talvez ele não tenha adquirido esse treme-treme depois de ficar doente, talvez apenas aconteceu uma coincidência. Cães pequenos são mais nervosos e agitados. Além disso, eles precisam regular constantemente a sua temperatura corporal. Hoje se sabe que o ato de tremer pode ser uma forma do corpo se aquecer através de estímulos físicos.

      O que você tem que monitorar é o tipo de doença que ele teve e verificar se ficaram sequelas. Se o tremor é decorrente dessas sequelas, o veterinário deve informar se o ato de tremer é prejudicial ou significa algum tipo de piora.

      Pincher é um cachorro muito ansioso. Eles tremem quando estão no chão, quando os pegamos no colo, quando querem ir para a rua, quando querem voltar pra dentro de casa... isso é normal.

      Nós sempre recomendamos, porém, que os donos verifiquem outros tipo de sintomas:
      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Seu cachorro parece um pouco assustado, mas pelo que você informa é o único sintoma que ele apresenta. Nesse caso, é bom verificar se existe algum motivo para ele demonstrar medo. Ele pode ter sido provocado por outro cachorro, por exemplo, ou pessoas, mudanças na sua rotina, ou até mesmo pelo tratamento por que ele passou por causa da doença. Nesse caso, seria bom começar a fazê-lo se sentir mais seguro, dando um pouco mais de atenção e segurança pra ele, e verificando se ele não está se sentindo intimidado por alguém ou alguma coisa.

      Boa Sorte!

      Excluir
  58. Olá tenho uma pinscher ela tem 6 anos, começou a uivar em frente da ksa, no dias seguinte começou a tremer deita com a cabeça no chão porém a parte da bunda ela deixa bem levantada, não come quase, e por alguns instantes grita como se fosse ter levado uma varada...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      definitivamente esse comportamento não pode ser considerado normal. O tremor do cachorro que consideramos aceitável tem a ver com pequenos tremeliques na cabeça ou na pata. Eventualmente atinge o traseiro. Esses tremores, aliado ao gemido baixinho acomete vários animais de pequeno porte, especialmente filhotes e cães idosos.

      O que você descreve não se enquadra nessa categoria. Cachorros que uivam na frente de casa podem estar demonstrando falta de adestramento. Esse comportamento pode ser causado por vários motivos, dentre eles a presença de cadelas no cio (no caso de cachorros machos), a proximidade de pessoas estranhas em frente ao portão, os latidos ou uivos de animais distantes ou desconforto físico.

      Essa última hipótese parece mais provável, já que sua cachorrinha é idosa e parece demonstrar sensibilidade na parte posterior do corpo, em especial a coluna.

      A condição de saúde da sua pinscher é tão evidente que ela, depois de tentar alongar o corpo, grita alto, muito provavelmente de dor.

      Você deve levá-la com urgência a um especialista, que deverá avaliar, através de raios-x, se houve algum tipo de deslocamento ou desgaste dos discos, articulações ou movimentação interna de órgãos.

      Boa Sorte!

      Excluir
  59. Boa noite. Meu cachorro a uns meses atras ele tem tido tremedeiras, as patas ficam duras,ele nao consegue se movimentar fica caindo pro lado quando tentar andar, ele fica muito nervoso tento acalma-lo e deixar ele parado, e logo em seguida ele vomita. Ele aparenta ser um cão normal,isso tem ocorrido umas 2 vezes por mes, o que pode ser? Ele é um yorkshire e tem 3 anos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      há relatos de que o cruzamento intensivo em algumas raças, principalmente entre parentes, pode estar relacionado com problemas neurológicos, de articulação, imunidade, entre outros.

      Dessa forma, os donos percebem que desde cedo o cachorrinho demonstra atitudes e sintomas diferentes do que se esperava, e a consulta veterinária, por sua vez, acaba descobrindo que o problema é a má-formação do animal, em nível genético.

      Seu caso foge um pouco do que tratamos neste artigo, pois parece justamente um problema de origem neurológica. Seu cachorro parece ser acometido por expasmos, em intervalos mais ou menos fixos. Isso pode ter várias causas, e seria leviano tentar descobrir sem um exame específico.

      Mas sabe-se que normalmente eventos de epilepsia causam paralisia e vômito, motivo por que o paciente deve ser deitado de lado para não se engasgar.

      O fato dele ficar nervoso é apenas o fato de se assustar por perder o controle sobre seus membros.

      É necessário procurar auxílio profissional e principalmente verificar como foi feito o cruzamento do cachorrinho.

      Boa Sorte!

      Excluir
  60. Olá boa noite, tenho uma Poodle Toy de idade entre 4 e 7 anos, ela foi abandonada e eu a adotei já tem quase 2 meses. Depois que já estava comigo ela ficou perdida durante 6 dias em fazendas, agora já tem quase 1 mês que ela está comigo novamente, e tenho percebido que as vezes ela fica tremendo a parte traseira do corpo e patas traseiras tb. Nunca tive cachorro antes dela e conheço muito pouco sobre como lidar com os cachorros. E nem imagino o que pode está acontecendo com ela, preciso de ajuda. Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      como dissemos no artigo, tremer as patinhas, tanto as dianteiras quanto as traseiras, é comportamento típico de cães de porte pequeno, principalmente os toy.

      Isso acontece com pinschers, dachshund, etc. Existem várias explicações para isso: eles têm o porte muito pequeno e gastam mais energia para manter a temperatura corporal; eles têm muito menos gordura subcutânea, o que não os isola termicamente; eles são naturalmente mais ansiosos e estressados.

      O que você tem que ter em mente é se as vacinas e a desverminação estão em dia. Principalmente para um cão que esteve foragido em fazendas durante 6 dias, que pode ter ingerido fezes, entrado em contato com animais e outros cães não imunizados, se alimentado de restos e lixo, etc.

      Por outro lado, monitore sua saúde, observando se ela vomita, apresenta diarreia (principalmente com a presença de sangue), está indisposta, sem apetite e apática. Somente nesses casos a tremedeira das patinhas pode significar alguma coisa perigosa.

      Boa Sorte!

      Excluir
  61. O meu cachorro treme muito a barriga levei no veterinário e ele disse q é sistema nervoso e passou remédios só pra aliviar as dores algum já teve esse caso com seu cachorrinho q possa mim ajudar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      alguns cães apresentam a tremedeira característica de ansiedade. Eles parecem sempre estar ansiosos com alguma coisa, sempre esperando que algo aconteça.

      São cães que se você diz: "vamos passear?", eles pulam como um jato. Eles também costumam latir excessivamente, atacar outros cachorros durante o passeio, e evitam amizade com pessoas e animais que não fazem parte de sua convivência.

      No seu caso, o medicamento serve para diminuir o incômodo provocado pelo quadro de ansiedade.

      Faça assim:
      - Observe-o bem e verifique quais atitudes o fazem tremer com mais intensidade. Alguns cães começam a tremer quando ouvem o barulho da chave na porte, ou da chave do carro; outros tremem quando alguém fala mais alto, quando ouvem o latido de outros cães, quando o dono se movimenta pela casa.
      - Se for possível, diminua os motivos que causam tremedeira no cachorro, como falar um pouco mais baixo, baixar o volume da televisão, levá-lo para passear sem anunciar o passeio.
      - Diminua as reações do seu cachorro quanto às situações que o fazem tremer: se ele treme quando alguém fala alto, combine com um amigo essa situação e, enquanto isso, chame o cachorro e lhe dê petiscos, mudando o foco da sua preocupação; se ele treme ao ouvir latidos, chame-o para outro cômodo quando isso acontecer e lhe dê um prêmio, para que ele perca a vontade de atacar outros cães; se ele treme ao ouvir o ruído das chaves, faça o mesmo, combine com alguém para balançar as chaves enquanto você o leva para outro cômodo, ao mesmo tempo, e lhe dá um petisco.

      Esse treino é um adestramento de dessensibilização. Aos poucos ele vai reagir de forma diferente para essas situações. É importante que todo o treino seja administrado de forma calma e segura, para não estressá-lo ainda mais.

      Boa sorte!

      Excluir
  62. Olá boa noite bom hj está mto calor o meu filhote tem menos de um mês ele procura um lugar bem frio pra dormir mais ele não para de tremer e ele está meio gelado mais fica agoniado procurando um lugar fresco pra dormir, é mto grave isso e o que eu devo fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      a gravidade da situação vai depender de vários fatores. Por exemplo, o mais importante é manter o filhote longe de cães estranhos, de pessoas que você não conheça e de lugares suspeitos. Com essa idade, o cachorro não pode sair de casa para passear, e você deve evitar que ele lamba outras pessoas ou seja lambido por cães desconhecidos.

      Outra coisa importante é monitorar sua saúde, verificando os seguintes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Também é preciso ver qual a raça do animal. Se for um pinscher, linguicinha, ou outros cães de pequeno porte, mesmo vira-latas, ele pode tremer sem motivos.

      No seu caso, parece que o calor realmente está o incomodando. Uma boa ideia é colocar algumas pedrinhas de gelo na água, pra ele ter mais vontade de beber. Veja se ele não fica melhor acomodado na frente do ventilador. Mas não o deixe muito tempo ali, principalmente à noite, não importa o quão quente esteja.

      Boa Sorte!

      Excluir
  63. Minha cachorra vira lata era muito animada, corria, brincava e n parava queta, ae do nada ela começou a ficar triste n era como antes e ela flde vez em quando fica tremendo a parte traseira do corpo principalmente as patas, o que pode ser isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Nós sempre insistimos que o dono do cãozinho fique alerta para estes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Praticamente todas as doenças realmente perigosas e agressivas iniciam com esses sintomas. Além disso, você deve verificar se houve alguma mudança brusca na sua rotina, se algum animal ou pessoa a assustou. Muitas vezes a entrada de outro animal de estimação na casa deixa o cachorro muito entristecido.

      Por outro lado, veja se ela não está entediada ou farta da ração. Nesse caso é melhor buscar algumas alternativas para diverti-la e ocupar seu tempo, além de trocar a marca ou o sabor da ração.

      Verifique se a vacinação e a desverminação estão em dia. Isso é muito importante.

      E, dependendo da idade e da raça, essas atitudes podem ser comuns, desde que a saúde geral dela esteja boa.

      Boa Sorte!

      Excluir
  64. Olá meu cachorro foi ao pet shop e voltou triste, tremento e só quer ficar deitador. Não brinca mais direito e raro ele sair da cama quando chamamos ele para sair. Ele foi ao pet vacinar, tosar e banhar. Primeiro que eles vieram pegar o meu cachorro as 9h da manhã e só entregaram as 17 eu fui buscar ele as 14 e eles disseram que ainda nõ tinham nem começado. Agora estou preocupada, acho que maltrataram ele lá, mas essa tremedera dele? E essa tristeza e moleza?? Passa o dia todo dormindo!! :'( obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, nós temos um artigo sobre os riscos da tele-entrega de cães. Muitas vezes o dono nem sabe o risco que está correndo ao permitir que levem e tragam seu mascote.

      Além disso, ninguém vai ter o mesmo cuidado que você tem com seu cachorrinho.

      Faça assim: Verifique as condições gerais de saúde. Você deve se preocupar se ele estiver com estes seguintes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Ao ser agredido verbal ou fisicamente, alguns cães podem ficar tristes e com medo. É muito importante observar essa situação. Veja também se ele não foi intimidado por outros cães maiores.

      Dê uma olhada neste artigo aqui:

      http://www.adestramento-para-caes.com/2013/06/a-morte-de-dois-cachorros.html

      Boa Sorte!

      Excluir
  65. BOM DIA, TENHO UM CACHORRA DA RACA CHOW CHOW, COM 3 MESES E MEIO E ELA TREME AS PERNAS TRASEIRA E AS VEZES O CORPO TODO, ELA JA NASCEU ASSIM TEM UM IRMAO COM O MESMO PROBLEMA, A ANTIGA DONA LEVOU AO VETERINARIO E DISSE Q E PROBLEMA NEUROLOGICO, TEM REMEDIO PRA RESOLVER OU AMENIZAR OS SINTOMAS POIS ATRAPALA ELA ATE A ANDAR?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      muitas vezes os cães que adquirimos, de raça, podem vir com essas deficiências. Isso pode acontecer quando o criador não teve um maior cuidado no cruzamento. Às vezes cruzam cães da mesma família, o que pode acarretar danos físicos e neurológicos.

      Nesses casos é aconselhável que os cachorrinhos não cruzem, e sejam esterilizados para impedir que o problema se dissemine.

      Dependendo dos danos neurológicos que ele apresenta, há diversos medicamentos que são receitados pelo profissional, inclusive medicamentos de uso em humanos. Você deve verificar, primeiramente, qual o problema real do cachorro, e se de fato é em nível neurológico. Depois de averiguado isso, o veterinário poderá prescrever o medicamento mais correto. Mas respondendo a sua pergunta, é possível tratar esses danos com remédios, alguns de uso veterinário e outros de uso em humanos.

      Boa Sorte!

      Excluir
  66. Meu cão está um pouco amuado mas está alimentando fazendo tudo normal. Mas notei q as vezes ele fica meio zonzo.Hoje notei q está meio rouco.O q pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola,
      Alguns cães ficam zonzos e tontos quando apresentam febre, viroses, gripes. Você deve verificar sua temperatura e atentar para os seguintes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Se ele não apresenta isso, mas apenas cansaço e apatia, pode ser realmente uma virose. Acompanhe a evolução e não deixe que se transforme em algo mais grave.

      Nunca esqueça a vacinação e a desverminação.

      Boa Sorte!

      Excluir
  67. Ola. Meu cachorro é rachado poodle com picher nas últimas semanas ele teve um problema na pele, nasceram várias feridas na cabeça e no corpo, são feridas secas outras são bolinhas com pus estou tratando isso com um sabonete que o medico passou, mrçhoru bastante mas tive que cortar todo o pelo dele pq estavam caindo mto. Eu fiz certo em cortar todo o pelo dele. E esses dias eu peguei ele se tremendo e fez xixi como se tivesse com medo ou alguma coisa do tipo. O que sera ?
    Ha ele tem 3 meses e esta com todas as vacinas em dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola,
      você fez o certo ao levá-lo ao veterinário e proceder conforme a receita médica. Ao cortar o pelo do cachorro você garante que o sabonete vai ser melhor aplicado. Além disso, quando se trata de feridas de pele, o pelo longo apenas serve para dificultar a aplicação e causar coceira e machucados no animalzinho.

      Esteja certo que ele tenha a vacinação em dia, levando-se em conta a idade, e que esteja desverminado. Uma boa ideia é não leva-lo à rua, nem permitir que ele saia para o pátio antes de estar com as vacinas completas.

      O tremor e o xixi podem ter a ver com a situação que ele está passando, já que é tão novinho. Procure resolver o mais rápido possível essa situação, para que ele não sofra com nenhuma sequela.

      Boa Sorte!

      Excluir
  68. Boa tarde! De ontem para hoje, meu cachorro (6 anos) começou a andar com o rabo entre as patas, fica tremendo o corpo (cheguei a pensar que seria constipação, pois não fez cocô no dia de ontem. Mas hoje fez e foi normal. Porém, ele continua mal). Ao se deitar, apoia o pescoço no chão (sendo que o normal dele é deitar de lado); o lado esquerdo da barriga dele aparenta estar maior. A respiração está fazendo um pouco de barulho.
    O que poderia ser?
    Desde já, obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      é sempre muito importante monitorar a saúde do cachorro quando ele apresenta esse tipo de atitude:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Andar com o rabo entre as patas é um sintoma a ser verificado. O inchaço de parte do seu abdômen é outro indício que pode ser grave.

      O ideal é levá-lo no veterinário, pois o exame de sangue e de fezes consegue determinar rapidamente a seriedade da situação.

      Boa Sorte!

      Excluir
  69. Bom dia! Estou com um filhotinho q n consegue si movimentar e só dorme, ele levanta a cabeça mas nao levanta p andar, ele esta mamando foi vermifugado ontem ele tem 31 dias. Está forte mama faz xixi e coco normal.p q pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      certamente o filhotinho é muito jovem, foi desmamado muito cedo e a desverminação, em decorrência disso, foi também acelerada. Filhotes tão novos ainda não desenvolveram imunidade, e o vermífugo pode deixá-los prostrados e sem força, até porque eles eliminam muitas bactérias benéficas que têm no intestino por causa do remédio.

      Com essa idade você não deve deixá-lo sair para a rua ou ter contato com outros animais. Deve verificar se a ração é a adequada para filhotes e se ele tem febre.

      No caso de ainda estar mamando, observe as opções de leite para filhotes e evite dar leite de vaca.

      O ideal era levá-lo ao veterinário para saber se ele se desenvolve normalmente ou se apresenta carência de substâncias importantes como ferro.

      Boa Sorte!

      Excluir
  70. Oi boa dia. Minha cachorra Tava com tremores, e não conseguia andar com as patas traseira. Pegamos ela é colocamos pra dentro de casa. Ficamos com ela, fazendo carinho ela bebeu água. E do nada voltou ao normal. O que pode ser. Ela tem 2 anos. E as vacinas todas tomadas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      alguns cachorros, por conta da própria raça (algumas são muito delicadas e propensas a doenças) ou até pelo cruzamento (alguns criadores permitem o cruzamento inter-familiar) apresentam mal-formações de alguns membros. Isso pode acontecer principalmente com cães mais robustos.

      Geralmente a rótula (patela) do animal pode ter uma conformação errada, o que causa dores na movimentação, fazendo o cão evitar mover-se. Por outro lado, ela pode ter dado um mal-jeito, ter ficado com os membros dormentes ou, ainda, estar sofrendo das articulações.

      Ainda devido à mal-formação, alguns cães podem desenvolver artrite precocemente, o que limita seus movimentos.

      Uma boa dica é observar se o local onde ela dorme é frio, úmido ou muito duro. Cães mais pesados precisam dormir afastados do chão e em cima de um colchão/travesseiro macio, pois seu peso pode esmagar facilmente os membros inferiores.

      Já cães mais leves devem ficar muito afastados do chão, pois suas pernas finas são facilmente agredidas pela umidade.

      Verifique essas hipóteses.

      Boa Sorte!

      Excluir
  71. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  72. Olá tenho um Shih Tzu de 1 mês e meio, e ultimamente vem apresentando um comportamento que esta me deixando muito preocupada. Tem dias em que ele começa a balançar(tremendo) a cabeça compulsoriamente e as patas traseiras ficam travadas impossibilitando a sua movimentação. Chega a acontecer em cerca de 4 dias na semana sendo 2 vezes ao dia.O que pode ser? Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Shih Tzu é uma raça muito delicada e propensa a problemas de saúde. Com 1 mês de idade você tem que ter os seguintes cuidados:

      - a alimentação deve ser controlada e indicada a filhotes;
      - o cachorro não pode sair à rua nessa idade, não pode ter contato com outros animais (principalmente não vacinados);
      - ele está no início da idade de vacinação. Observe o calendário e não perca as datas de desverminação.

      Além disso, verifique a existência dos seguintes sintomas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Se qualquer deles se manifestar, é muito importante levá-lo ao veterinário com urgência.

      De qualquer forma, filhotes costumam ter acessos de tremedeira. E alguns cães, até pelo cruzamento que tiveram (entre parentes, por exemplo) podem manifestar, em alguns casos, certa condição neurológica. Seria bom afastar essa hipótese também.

      Boa Sorte!

      Excluir
  73. Bom dia, minha cachorra tem 15 anos, e recentemente sofreu um AVC, foi medicada pela veterinária e a única sequela foi o pescoço torto e um pouco de perda de equilíbrio. Hoje de manhã percebi que ela não para com a mandíbula, fica batendo os dentes, o que pode ser? Muito obrigada pela ajuda!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      muito provavelmente sua cachorrinha está apresentando a sequela do AVC. Além do mais, nessa idade é comum cães perderem um pouco o controle dos movimentos mandibulares. Nada que deva assustar.

      No entanto, você deve ficar atenta para o caso dela apresentar dificuldade de respiração, alimentação e hidratação.

      Cães que não conseguem controlar esse movimento podem se afogar ao beber água ou ração, além de apresentarem prejuízo de ordem respiratória. Nesse último caso, é muito importante que os passeios não a deixem muito cansada, pois ela pode apresentar dificuldades para respirar e engolir a saliva ao mesmo tempo, o que pode provocar engasgos.

      Boa Sorte!

      Excluir
  74. BOM DIA, TENHO UM POODLE COM 3 ANOS, TRANQUILO, GOSTA DE CORRER, BRINCAR, MAS DE UNS DIAS PARA CÁ, VENHO OBSERVANDO QUE DE VEZ EM QUANDO, ELE FICA COM JEITO DE QUE ESTÁ COM MEDO DE ALGUMA COISA, FICA PERTO DA GENTE, QUER COLO, E TREME, TO PREOCUPADO, POIS O QUE PODE SER? ISSO É RÁPIDO, LOGO, LOGO ELE FICA DIREITO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      poodles são cães muito apegados aos donos. Eles costumam "inventar desculpas" para subirem ao colo. Esse tipo de atitude deve ser observada por você, pois só o dono sabe se deve encorajar ou não esse comportamento.

      Além disso, acontece com cães mais nervosos algumas situações que podem parecer mais problemáticas, e que os assustam. O ideal é verificar em quais momentos do dia ele apresenta esse comportamento.

      Se for em um determinado horário, veja os ruídos que são perceptíveis, a movimentação da casa e a existência de possíveis sustos que podem acometê-lo.

      Por exemplo, muitas vezes em determinado horário o dono pega as chaves do carro, e o cachorro aprende que naquele momento, sempre que escuta o barulho das chaves, ele ficará sozinho durante um tempo. E isso pode assustá-lo.

      Outras vezes pode ser o ruído da vizinhança, quando as crianças retornam da escola, por exemplo. Algumas crianças costumam atirar pedras nos cães da vizinhança, o que pode ser assustador para um poodle.

      Procure observar tanto os horários quanto os ruídos, cheiros e movimentações em que essas crises acontecem. Se não descobrir nada de diferente, provavelmente seu mascote apenas quer um mimo.

      Boa Sorte!

      Excluir
  75. Ola meu cachorro esta muito quente, nao tem mais o mesmo apetite, e nem tem dispocisao para brinca. Sempre levante e deita, esta muito triste. Treme muito o tempo todo tanto de dia como de noite. Ele tem 3 meses o que devo fazer. Estou preoculpado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      nessa idade o filhote pode estar em perigo, porque não recebeu ainda todas as vacinas. O ideal é medir a febre e levá-lo ao veterinário, que poderá identificar a causa dos sintomas.

      Boa Sorte!!

      Excluir
  76. Ola meu é um base cachorro ja está velho com 13anos e ele acordou tremendo e nem levantou da caminha dele peguei ele no colo botei ele no sol tampei ele e nem reação de se levantar só tremor oque poderia ser?
    agradeço desde ja

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      cães idosos podem desenvolver fraqueza no processo de envelhecimento. E isso acontece de súbito, sem que a gente seja avisado. De repente, um dia o cachorro não consegue mais correr atrás da bolinha, não consegue mais subir escadas, não tem tanto apetite, não se movimenta mais.

      Esse é o processo natural da vida.

      No entanto, você deve monitorar algumas coisas:

      - urina ou fezes com sangue;
      - falta de apetite;
      - febre;
      - apatia;
      - hostilidade ou medo.

      Esses sintomas, principalmente 2 ou 3 deles ao mesmo tempo, podem significar uma doença fatal, e nesses casos é imprescindível procurar um veterinário.

      Se seu cachorro amanheceu tremendo e com dificuldades de movimentação, procure observar esses outros sintomas, e não hesite em procurar a ajuda de um especialista.

      Boa Sorte!

      Excluir
  77. Ola tenho um shih tzu de 1 ano ele ultimamente está com as patas traseiras tremendo e chora muito além de ficar andando de um lado para outro..Quando deita fica desconfortável e lambe a pata...Não sei o que fazer pois não sente dor quando coloco a mão e quando passamos a mão no local ele dorme e não se mexe mas paramos de passar a mão ele volta a ficar agitado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      você deve tentar descobrir duas coisas:

      - Se ele sente dor por algum trauma sofrido nas patas;
      - Se ele sente dor por mal-formação natural.

      Para isso, tire um momento para analisar as patas traseiras, pressionando firmemente (sem machucar o animal, mas colocando um pouco de força) as pernas, subindo desde as patinhas até a coxa. Vá pressionando e subindo 1 cm de cada vez. Principalmente na altura das articulações.

      Além disso, veja se as patinhas e as almofadas das patinhas não estão afetadas. Existem várias causas de dores nas almofadas do pé, como frieira, arranhões, alergias, rachaduras, etc. Inspecione.

      O ato do cachorro lamber a pata demonstra desconforto. Poderíamos supor que ele chora por atenção, por exemplo. Mas como ele lambe a pata e chora, é possível que ali esteja o problema.

      Depois de inspecionar o local, leve-o ao veterinário. É importante que você chegue até o profissional já sabendo onde está o problema, pois isso faz a consulta ser mais objetiva.

      Se seu cão tiver um problema de articulações, ele deverá passar por raio-X. Se for alergia ou alguma outra coisa, é essencial saber exatamente onde se localiza.

      Boa Sorte!

      Excluir
  78. Boa tarde,
    O meu caozinho há dois dias atras andava no campo com o meu pai e de repente começou a tremer e estava sempre a cair. Acabou por vomitar e ficar bem.
    Poderá ter sido algo que comeu?
    Já ouvi falar em epilepsia canina e fiquei super preocupada.
    Ele normalmente treme muito, a maior parte das vezes é enquanto dorme, deve estar a sonhar. E das outras vezes pensamos que poderá ser frio.
    Normalmente ele fica preso durante o dia e à tarde quando ve que o vamos soltar começa tambem a tremer muito (ate parece de proposito), mas aí penso que seja de felicidade, ou algum tipo de "chantagem".
    Fiquei realmente preocupada, apesar dele agora estar bem, acha que deviamos leva-lo a um veterinário?
    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Para você ter uma ideia do que aconteceu com seu cachorrinho, deve monitorar seu comportamento e ver se esse episódio se repete. É difícil descobrir qual o motivo daquela atitude dele. Ele pode ter sido picado por algum inseto que causou uma reação alérgica, por exemplo, ou pode ter comido alguma coisa ou até pode ser alérgico a alguma planta.

      Com relação às tremedeiras, pela forma como você explica parece apenas um caso de ansiedade. Ele fica ansioso para ser solto ou para estar em sua companhia. Isso o faz tremer. Alguns cachorros choram, urinam ou latem quando percebem que vão ficar com os donos.

      Verifique se o episódio que você relatou se repete, e tente descobrir o que motiva isso. Se for algo persistente será necessário procurar um veterinário.

      Boa Sorte!

      Excluir
  79. Oi bom dia, minha cadela teve filhotes e eles estão com uns 40 dias, não tomaram remédio de verme pois eu acreditava que só poderiam tomar com 45 dias... Mas hoje um deles vomitou o leite e está se tremendo e muito quietinho. Não sei o que fazer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      a partir de 2 semanas você já pode procurar um veterinário e realizar a desverminação. Você confundiu os 45 dias com o desmame. O desmame do filhote pode ser feito a partir de 45 dias. Já o vermífugo pode ser administrado a partir de 2 semanas.

      Verifique se esse incidente tem realmente a ver com vermes. O ideal é levá-lo ao veterinário.

      Boa Sorte!

      Excluir
  80. Me ajude pfv.
    Meu cachorro da raça pitbull,ontem de noite começou a se sentir mal,as fezes dele ficaram moles e com um odor horrível,com uma gosma meio branca,passei a noite em claro,e hoje de manhã apresentou tremor na cabeça,isso não é td hora,mais treme bastante,ele comeu,bebeu água,estar correndo no quintal atras da cachorra que estar no cio,mais as vezes não melhoram e a cabeça treme bastante ainda,estou desesperada com isso,oque pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Alguns cães ficam completamente alterados quando não são castrados e existe uma cadela próxima no cio. Eles não irão se alimentar, poderão ter febre e tremores, e talvez até diarreia.

      Não são todos os cachorros que se comportam dessa forma, no entanto.

      Além disso, você deve descartar algumas possibilidades, como cinomose e parvovirose. Para isso, vamos te passar alguns links para outros artigos que escrevemos. Se achar que os sintomas são semelhantes ao que descrevemos nesses artigos, o melhor a fazer é procurar auxílio veterinário.

      Cinomose
      http://www.adestramento-para-caes.com/2013/06/cinomose-como-evitar-como-tratar.html

      Parvovirose
      http://www.adestramento-para-caes.com/2013/07/conheca-parvovirose.html

      Boa Sorte!

      Excluir
  81. boa noite!, então meu cachorro (Pinscher) depois de sair do colo do meu amigo simplesmente saiu correndo, não sei se meu amigo derrubo ele ou algo assim mas ele não para de tremer, e se tento brincar ele não da bola nem nada estou, muito preocupada pois isso nunca aconteceu antes, ele já é de idade bem velhinho mesmo, pelo que li pode ser de idade mais se meu amigo o derrubou ele pode estar sentido dores ou sei lá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      se você acredita que seu amigo o derrubou, comece examinando o cachorro. Pressione as patinhas em toda a extensão, verificando como ele reage.

      Além disso, pressione o abdômen, as costas, costelas. Se ele estiver machucado, ele vai avisar.

      Com relação à cabeça, se você acredita que ele sofreu uma concussão, deve levá-lo imediatamente ao veterinário. Através de raio-x o profissional pode avaliar melhor.

      Mas se ele não ficou desacordado, não teve sangramento, convulsões ou vômitos, isso pode ser descartado.

      Se houve realmente um acidente, o animal está demonstrando apenas o susto. Acalme-o que ele deve voltar a si.

      Abraços!

      Excluir
  82. Olá, minha cadela deu cria a duas semanas e um dos cachorrinhos caiu e está com um galo na cabeça, ele não para de tremer e está com o focinho entupido, o que eu posso fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      o maior problema quando há quedas de cabeça ou qualquer outro tipo de ferimento na região, é a concussão que resulta disso. Caso o cachorrinho demonstre que foi afetado, você deve procurar um veterinário. Para ter certeza, veja se ele vomita, parece tonto, adormece mais do que o normal ou se demonstra dificuldade em mover um membro.

      O tremor pode ter sido resultado da queda. Monitore seu comportamento, verificando se ele demonstra outros sintomas.

      De qualquer forma, o ideal sempre é levá-lo no veterinário em uma situação semelhante.

      Com relação ao focinho, veja se ele consegue ingerir comida e beber água. Se ele estiver mamando, o nariz entupido pode causar dificuldades, o que impedirá sua correta alimentação. Nesse caso, é obrigatório levá-lo ao médico, ou ele poderá ficar desnutrido.

      Boa Sorte!

      Excluir
  83. Bom dia!
    Meu cachorro foi castrado dia 10/06. Ele teve sangramento no dia, tendo que fazer mais um ponto. Depois Teve sangramento por mais uns 3 dias, e o saco ficou inchado por uma semana. O sangramento não foi em grande quantidade, só no 1º e segundo dias, nos quais fiz gelo. Usei predisin e cefalexina de medicamentos pós cirurgia, cefalexina por 10 dias e presidim por 10 por causa da dificuldade de desinchar. Ocorre que o meu cachorro está comendo bem (mais do que antes), fazendo cocô bem, bebendo muita água (mais do que antes) quando estimulado, brinca normal e passeia. Contudo, há uma semana apresentou um tremor na cabeça em dois dias, em situação em que estava quieto, quase dormindo. Com os olhos abertos, falávamos com ele e ele não respondia e tremia a cabeça. Ontem ele apresentou o mesmo tremor, novamente falei com ele, toquei nele ele olhava para mim mas não parava o tremor, até parar. A duração cerca de 1min no máximo. Gostaria de saber o que pode ser. Ele foi vacinado com as vacinas importadas, tem 1 ano mais ou menos, vira-lata com alguma mistura com goldem. Muito obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      o tremor pode estar relacionado com a castração. Não efetivamente ligado a ela, mas como efeito colateral. Às vezes o animal tem uma leve febre ocasionada pelo procedimento. E o tremor pode ter algo a ver com isso.

      Às vezes a febre é um pouco mais forte e pode estar relacionada a alguma infecção decorrente da cirurgia. Mas se o cão está tomando antibióticos, essa infecção deve estar sob controle. Nesse caso, deve ser continuado o tratamento e observadas as doses prescritas pelo veterinário.

      Preste atenção que o cachorro, depois de recuperado, pode continuar tremendo por causa do hábito que adquiriu durante a convalescênça.

      Sua atitude é verificar se há o desenvolvimento de outros sintomas, se ele apresenta diarreia, falta de apetite, sangramento, impossibilidade de locomoção e apatia.

      Não apresentando esses sintomas, seu cachorro deve se recuperar logo. Qualquer agravamento do quadro deve ser examinado pelo profissional.

      Boa Sorte!

      Excluir